Meio ambiente e energia

Ruralistas só votam Código Florestal com acordo escrito, diz deputado

05/09/2012 - 16:33  

O deputado Ronaldo Caiado (GO), vice-líder do DEM,  disse há pouco que os parlamentares ligados ao agronegócio só estarão dispostos a votar a Medida Provisória 571/12 nesta quarta-feira (5) se o governo se comprometer a manter o texto aprovado pela comissão especial mista que analisou a matéria. De acordo com o deputado, que integra a bancada ruralista, esse compromisso deverá ser feito por meio de nota escrita da Secretaria de Relações Institucionais.

A MP 571/12 altera o novo Código Florestal (Lei 12.651/12). Caso não seja aprovada pela Câmara e pelo Senado até o dia 6 de outubro, a medida perderá a validade. Com isso, vários pontos do novo código vetados pela presidente da Republica, Dilma Rousseff, ficarão sem previsão legal, já que a MP preenche as lacunas deixadas pelos vetos.

Reportagem - Renata Tôrres/ Rádio Câmara
Edição - Juliano Pires

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.