Política e Administração Pública

Ricardo Barros diz que é preciso empoderar Legislativo diante de ativismo judicial

01/02/2019 - 19:48  

Candidato à Presidência da Câmara para o biênio 2019-2020, o deputado Ricardo Barros (PP-PR) defendeu o empoderamento do Poder Legislativo. Segundo ele, por omissão dos parlamentares, o Supremo Tribunal Federal (STF) tem legislado no lugar dos representantes eleitos para isso.

Luis Macedo/Câmara dos Deputados
2ª Sessão Preparatória destinada à eleição dos membros da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados para o biênio 2019/2020. Candidato à presidência da câmara, dep. Ricardo Barros (PP-PR)
Ricardo Barros: deputados têm de enfrentar os temas difíceis

Barros lembrou pontos definidos recentemente pelo Judiciário sem discussão pelo Legislativo: demarcação de terras indígenas; vedação do nepotismo; proibição do amianto; e liberação de células-tronco, entre outros.

“Temos de enfrentar os temas difíceis. Queremos o povo acompanhando de madrugada as sessões da Câmara dos Deputados e não as do Supremo Tribunal Federal”, afirmou.

Ex-ministro da Saúde na gestão Michel Temer, o deputado ressaltou ainda a interpretação sobre a prisão após condenação em segunda instância. “Quem altera a Constituição somos nós”, disse.

Ele defendeu a votação, no Câmara, de temas como abuso de autoridade e o combate à corrupção.

Reportagem – Carol Siqueira
Edição – Marcelo Oliveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.