Saúde

Projeto institui sistema nacional de informações sobre Covid-19

Objetivo é contribuir para o enfrentamento da doença no Brasil

23/07/2020 - 15:12  

Bruno Cecim/Agência Pará
Saúde - coronavírus - médicos atendimento hospitais consultórios máscaras pacientes grupo de risco idosos prevenção contágio contaminação tratamentos Covid-19 pandemia
A proposta pretende criar um banco de dados que auxilie o Poder Público a tomar decisões durante a pandemia

O Projeto de Lei 3752/20 institui um sistema nacional de informações relativas à Covid-19, para armazenar, tratar e integrar dados e informações sobre a doença no Brasil, com coordenação do Ministério da Saúde. O objetivo é contribuir para a formulação, a execução e a avaliação das ações de enfrentamento da emergência de saúde pública.

A proposta tramita na Câmara dos Deputados e foi apresentada pela bancada do PT, sendo o primeiro signatário o deputado Célio Moura (PT-TO).

Conforme o texto, o sistema deverá manter públicos e atualizados dados sobre o número de casos confirmados (total e nas 24 horas anteriores); de pacientes recuperados (total e nas 24 horas anteriores); de óbitos (total e nas 24 horas anteriores); de hospitalizados em enfermarias e UTIs, por unidade de saúde, município e estado; e de sepultamentos diários por município e estado, entre outras informações.

Os dados deverão ainda ser padronizados e categorizados por idade, sexo, raça, cor, etnia, doenças preexistentes e comorbidades.

Acompanhamento
Célio Moura argumenta que a emergência da pandemia de Covid-19 exige acompanhamento de perto dos tomadores de decisão e do público em geral, para maior entendimento do comportamento do vírus e das respostas do Poder Público para combatê-lo. “As informações são imprescindíveis para que os gestores públicos tomem decisões mais apropriadas”, observou.

A divulgação, acrescenta Moura, também contribuiria para o trabalho da imprensa de divulgar informações verificadas à sociedade a partir de fontes confiáveis, “combatendo a onda de desinformação crescente”.

Compartilhamento
O projeto também torna obrigatório o compartilhamento de dados entre as administrações públicas federal, estaduais, distrital e municipais, para permitir a identificação de pessoas infectadas ou com suspeita de infecção pelo coronavírus e evitar a propagação da doença.

Hospitais privados também deverão compartilhar seus dados quando solicitados por autoridade sanitária.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei. 

Reportagem – Noéli Nobre
Edição – Roberto Seabra

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta