Economia

Acordo amplia número de integrantes da comissão mista da reforma tributária

07/02/2020 - 13:06  

Pedro França/Agência Senado
Brasília - Congresso - Congresso Nacional Poder Legislativo
A reforma tributária está em análise na Câmara e no Senado; a comissão mista busca um texto de consenso

A Câmara dos Deputados e o Senado Federal chegaram a um acordo para a instalação da comissão mista especial que vai discutir a reforma tributária. Havia um impasse sobre o tamanho do colegiado dirimido agora pelo acordo fechado entre as duas casas. “A comissão será formada por 40 membros, 20 senadores e 20 deputados”, tuitou o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, na manhã desta quinta-feira (6).

A comissão, que deve ser presidida pelo senador Roberto Rocha (PSDB-MA) e relatada pelo deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), vai propor um texto que concilie as propostas do Senado, da Câmara (PEC 45/19) e do governo, que ainda não foi encaminhada ao Congresso.

Ribeiro já é relator da comissão em funcionamento na Câmara sobre o assunto.

No fim do ano passado, ao anunciar a criação do grupo de parlamentares, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, avaliou que é possível "organizar um texto comum para que, aprovado na Câmara, chegue ao Senado de forma harmônica”.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre, também acredita num entendimento. "O melhor caminho seria uma proposta de conciliação. Naturalmente parte do texto do Senado e parte do texto da Câmara serão incorporados com as manifestações do governo."

Saiba mais sobre a tramitação de propostas de emenda à Constituição

Da Redação - ND
Com informações da Agência Senado

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PEC 45/2019

Íntegra da proposta