Consumidor

Comissão rejeita proposta que proíbe cobrança antecipada das diárias em hotéis

17/10/2019 - 12:14  

A Comissão de Turismo rejeitou o Projeto de Lei 7805/17, que veda aos hotéis, pousadas, estalagens e estabelecimentos congêneres cobrar antecipadamente por diárias ou outros serviços.

A relatora, deputada Magda Mofatto (PL-GO), recomendou a rejeição do texto principal e de três apensados. “A prática da indústria hoteleira é fruto das exigências operacionais, e a sistemática adotada no Brasil é a mesma de outros grandes mercados turísticos mundiais”, disse.

Lucio Bernardo Jr. / Câmara dos Deputados
Para Magda Mofatto, a medida afetaria a eficiência operacional e o custo do setor hoteleiro

A proposta em tramitação na Câmara dos Deputados é de autoria de Rômulo Gouveia, que foi deputado federal por dois mandatos e morreu em maio de 2018. Conforme o texto, para assegurar as reservas vários hotéis obrigam o consumidor a depositar previamente os valores correspondentes à estadia completa.

Tramitação
A proposta tramita em caráter conclusivo e ainda será analisada pelas comissões de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços; de Defesa do Consumidor; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem - Ralph Machado
Edição - Marcia Becker

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta