Trabalho, Previdência e Assistência

Proposta permite uso de metas de saúde e segurança em participação nos lucros

04/06/2021 - 10:50  

Divulgação
Deputado Carlos Bezerra está sentado falando ao microfone
Bezerra: dispositivo atual prejudica a livre negociação coletiva

O Projeto de Lei 705/21 revoga o dispositivo da Lei 10.101/00 que proíbe as empresas de incluir metas de saúde e segurança no trabalho em programas de participação nos lucros e resultados financeiros (PLR). O texto tramita na Câmara dos Deputados.

A proposta é do deputado licenciado Carlos Bezerra (MT). Ele afirma que o dispositivo da lei é um “entrave à livre negociação coletiva e desestímulo na busca coletiva de um ambiente de trabalho cada vez mais seguro e salubre.”

A proibição de metas de saúde e segurança em PLRs, como redução de acidentes do trabalho ou de doenças ocupacionais, ocorreu em 2013, por meio de uma modificação na Lei 10.101/00. Na época, alegou-se que o atendimento das regras de saúde e segurança era uma obrigação das empresas.

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; e Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ).

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem - Janary Júnior
Edição - Natalia Doederlein

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PL 705/2021

Íntegra da proposta