Direitos Humanos

Aprovada urgência para projeto que aumenta pena a maus-tratos de crianças e idosos

13/04/2021 - 17:55   •   Atualizado em 13/04/2021 - 21:12

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Discussão e votação de propostas. Dep. Helio Lopes(PSL - RJ)
Helio Lopes é o autor do projeto de lei

A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) o regime de urgência para o Projeto de Lei 4626/20, do deputado Hélio Lopes (PSL-RJ) e outros, que aumenta a pena para quem expor a perigo a vida ou a saúde de pessoa sob sua autoridade, por exemplo, abusando de meios de correção ou disciplina.

Segundo o texto, a pena de reclusão passa de 4 a 12 anos para 8 a 14 anos se as ações resultarem em morte. O projeto aumenta no mesmo patamar as penas para casos semelhantes de abandono ou maus-tratos aplicados a idosos que resultarem em morte ou lesão grave.

Reportagem – Eduardo Piovesan
Edição – Pierre Triboli

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: undefined undefined/undefined

Íntegra da proposta