Agropecuária

Projeto cria política para incentivar motorização elétrica no meio rural

Autor da proposta quer aproveitar o desenvolvimento da motorização elétrica para incentivar novas tecnologias que tornem o processo produtivo mais eficiente e menos poluente

12/11/2020 - 10:58  

Luis Macedo/Câmara dos Deputados
Deputado Marcelo Brum está sentado falando ao microfone
Brum acredita que a medida pode colocar o Brasil em posição de vanguarda na inovação tecnológica do setor

O Projeto de Lei 2427/20 institui uma política para estimular o uso da propulsão elétrica em máquinas agrícolas, como tratores, implementos, motocultivadores e motobombas. A proposta tramita na Câmara dos Deputados.

Conforme o texto, a Política Nacional de Incentivo à Motorização Elétrica Agrícola será adotada em todas as cadeias produtivas agropecuárias, envolvendo desde a pesquisa até a fabricação de equipamentos. O poder público federal elaborará um plano de ações e metas para a consecução dos objetivos da política de estímulo.

O projeto foi apresentado pelo deputado Marcelo Brum (PSL-RS). Para ele, o meio rural deve aproveitar o desenvolvimento da motorização elétrica no mundo – como os veículos elétricos – para investir em novas tecnologias que tornem o processo produtivo mais eficiente e menos poluente.

“Assim como tem avançado a eletrificação no setor automobilístico urbano, o setor rural deverá em futuro próximo adotar crescentemente o uso da motorização elétrica, substituindo boa parte dos motores a diesel”, disse Brum.

Tramitação
A proposta será analisada em caráter conclusivo pelas comissões de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem – Janary Júnior
Edição - Natalia Doederlein

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta