Educação, cultura e esportes

Projeto inclui jiu-jítsu como disciplina opcional nas escolas

Texto já foi aprovado no Senado

07/07/2020 - 11:51  

Renato Araújo/Agência Brasília
Esporte - geral - artes marciais lutas treinamento atletas condicionamento físico atletas
Autor da proposta afirma que a arte marcial pode enriquecer o processo educativo

O Projeto de Lei 4478/19 inclui a prática do jiu-jítsu como opção nos currículos de todas as séries do ensino fundamental. Já aprovado no Senado, o texto está agora na Câmara dos Deputados.

A proposta é de autoria do senador Chico Rodrigues (DEM-RR) e altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB).

Rodrigues afirma que houve melhora no rendimento dos alunos de Roraima depois que o jiu-jítsu passou a ser adotado como disciplina opcional em diversas escolas.

“A arte marcial traz benefícios à saúde física, ao equilíbrio mental e à interação social. Também possui potencial para enriquecer o processo educativo”, diz.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem – Janary Júnior
Edição – Marcelo Oliveira
Com informações da Agência Senado

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PL 4478/2019

Íntegra da proposta