Trabalho, Previdência e Assistência

Comissão aprova projeto que prioriza vítimas de desastres no programa Cartão Reforma

21/06/2018 - 09:42  

Vinícius Loures/Câmara dos Deputados
Audiência pública sobre os efeitos da variabilidade climática na Amazônia brasileira. Dep. Angelim (PT - AC)
O parecer do relator, deputado Angelim, foi favorável à proposta

A Comissão de Desenvolvimento Urbano aprovou proposta do deputado Danilo Cabral (PSB-PE) que inclui as famílias que tiveram a moradia danificada em razão de desastre natural entre os grupos familiares com prioridade de atendimento no Programa Cartão Reforma (PL 7744/17).

O parecer do relator, deputado Angelim (PT-AC), foi favorável à proposta, na forma do substitutivo adotado pela Comissão de Integração Nacional e Desenvolvimento Regional e da Amazônia. O substitutivo exige que a residência esteja situada em município em estado de calamidade ou situação de emergência reconhecido pela União.

Hoje, após ser decretado o estado de calamidade pública ou situação de emergência, os municípios que estejam com dificuldades para realizar as ações emergenciais e de recuperação econômica, social e ambiental podem solicitar recursos federais.

“A proposta visa instituir um novo instrumento, dessa vez direcionado diretamente à vítima – e não ao Poder Público –, no caso em que a moradia sofra avarias mas possa ser reformada”, explicou Angelim.

O programa
A medida é incluída na Lei 13.439/17, que criou o Programa Cartão Reforma. O programa concede subvenção econômica para aquisição de materiais de construção e assistência técnica para reforma, ampliação ou conclusão de unidades habitacionais de famílias com renda familiar mensal de até R$ 2.811,00.

Ouça esta reportagem na Rádio Câmara

Pela lei atual, têm prioridade as famílias cuja responsável pela subsistência seja mulher; que incluam pessoas com deficiência ou idosos; e que tenham menor renda familiar.

Tramitação
O projeto será analisado em caráter conclusivo pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Lara Haje
Edição – Wilson Silveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta