Ciência, tecnologia e Comunicações

Câmara torna São Carlos (SP) capital nacional da tecnologia

16/07/2010 - 12:09  

Arquivo - Laycer Tomaz
Osmar Serraglio recomendou a aprovação da proposta.

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou na quarta-feira (14) o Projeto de Lei 6532/09, do deputado Lobbe Neto (PSDB-SP), que concede ao município de São Carlos (SP) o título de capital nacional de tecnologia. Como tramitava em caráter conclusivo, a proposta agroa será encaminhada para o Senado, caso não haja recurso para análise pelo Plenário da Câmara.

Para Lobbe Neto, a cidade merece o título porque possui a maior densidade de profissionais com doutorado do País. "Enquanto a média brasileira é de 1 doutor para cada 5.423 habitantes, em São Carlos este número é de 1 para cada 180 habitantes da cidade", afirmou.

O deputado citou centros de pesquisa, como a Universidade Federal de São Carlos, a Universidade de São Paulo (USP) e a Fundação Parqtec, mais antiga incubadora da América Latina, que explicam a alta quantidade de doutores no município.

O parlamentar lembra que São Carlos registra também um dos maiores índices de registro de patentes do País. São 14,5 patentes por 100 mil habitantes a cada ano, quase cinco vezes a média nacional (3,2).

O relator na CCJ, deputado Osmar Serraglio (PMDB-PR), recomendou a aprovação do texto. A CCJ analisou apenas a constitucionalidade e a adequação jurídica e de técnica legislativa da proposta.

Reportagem - Tiago Miranda
Edição - Pierre Triboli

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta