Direitos Humanos

Cancelada audiência para discutir envelhecimento populacional no âmbito do G20

10/07/2024 - 09:00  

Depositphotos
Idosos jogam vôlei
Segundo o IBGE, em 2039 haverá mais idosos do que crianças no Brasil

Foi cancelado o seminário da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados previsto para esta quarta-feira (10) sobre o envelhecimento populacional no âmbito do G20.

O G20 (Grupo dos Vinte) é um fórum internacional composto por 19 países e a União Europeia, que se reúne regularmente para discutir questões econômicas globais.

O debate atende pedido dos deputados Zé Haroldo Cathedral (PSD-RR), Pedro Aihara (PRD-MG) e Luiz Couto (PT-PB) e ainda não tem nova data marcada.

Protagonismo brasileiro
A presidência do G20 é rotativa e, neste ano, está a cargo do Brasil. Aproveitando essa situação, Cathedral, Aihara e Luiz Couto querem que o País lidere esforços multilaterais em busca de soluções para os desafios do envelhecimento populacional contemporâneo.

Os deputados ressaltam que o envelhecimento populacional impacta no desenvolvimento socioeconômico e em áreas como saúde e educação.

No Brasil, de acordo com o Censo, em 2022, havia cerca de 22 milhões de pessoas com 65 anos ou mais. E a previsão do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) é que, a partir de 2039, haverá mais idosos do que crianças vivendo no Brasil.

Da Redação - ND

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.