TV Câmara

Participação Popular

Estreia: Invalid date

Consumo de Bebidas Alcoólicas

Segundo a estimativa da Organização Mundial de Saúde, OMS, 2,3 bilhões de pessoas consomem álcool em todo o mundo.

O consumo da bebida pelo homem é tão antigo quanto a civilização. Ela está presente em boa parte das celebrações, talvez por provocar a sensação de bem-estar, relaxamento, prazer ou humor. Nos primeiros momentos após a ingestão aparecem os efeitos estimulantes como euforia, a conversa fica solta, os tímidos ficam desinibidos. Com o passar do tempo, começam a aparecer os efeitos depressores como falta de coordenação motora, descontrole e sono. Apesar do consumo de álcool ser estimulado e até glamourizado em ocasiões sociais, ele é um dos principais problemas de saúde pública.

Em 1952, o alcoolismo foi classificado como doença pela primeira vez. A dependência é caracterizada pelo uso compulsivo de bebidas alcoólicas, a manifestação de sintomas de abstinência e problemas de relacionamento decorrentes do consumo exagerado. Com o tempo, os problemas podem se agravar, com os danos de saúde, físicos e mentais, acidentes de trânsito, autolesão e até violência interpessoal.

De acordo com Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas, o CEBRID, a dependência do álcool é uma condição frequente e atinge cerca de 5 a 10% da população adulta brasileira.

No Participação Popular vamos saber se existe algum limite seguro para o consumo do álcool; quais os males que acarreta e como prevenir e tratar a dependência.

Convidados:

Psiquiatra do HUB, Maria Célia Vitor, responsável pelo SEAD (Serviços de Estudos e Atenção a Usuários de Álcool e Outras Drogas);

Psicanalista, Janete Krissak Pinheiro, especialista clínica.

Por telefone (de São Paulo), o Deputado Federal - Vanderlei Macris – PSDB/SP

Por skype: Zila Sanchez, professora-doutora do Departamento de Medicina Preventiva da Universidade Federal de São Paulo.

Repórter Vania Alves faz entrevistas no centro de Brasília

Perguntas, críticas e sugestões: 0800 619 619, e-mail participacaopopular@camara.leg.br, Twitter @participacaopop e WhatsApp (61) 99620-2573.Siga-nos também no YouTube e em outras redes sociais:

http://www.facebook.com/camaradeputados
http://www.twitter.com/camaradeputados

Apresentação - Paulo José Cunha
Participação Popular

O que o cidadão comum acha dos temas que o Congresso discute? Um programa de TV reúne, todas as semanas, populares, políticos e especialistas que dão uma visão particular sobre o que movimenta os debates parlamentares. É o Participação Popular, apresentado pelo jornalista Fabricio Rocha, onde erro médico, drogas, trânsito, questões trabalhistas, sexualidade, enfim, tudo pode ser discutido. Este programa dispõe de legenda oculta, na versão exibida na TV Câmara.

Estreia: segunda, às 13h. Reprises: segunda, 22h; quarta, à 1h e às 21h30; sábado, às 16h; domingo, às 10h.

NOSSAS REDES