Rádio Câmara

Dicas para a compra do material escolar

  • Dicas para a compra do material escolar (bloco 1)

Quem tem filhos em idade escolar, deve sabe que chegou a hora comprar o material escolar. Então atenção para as dicas:

Não é preciso comprar o material na loja ou site que a escola determinar. A exceção é o caso da escola que produz parte do material, como apostilas próprias. Mas, caso haja outra loja que tenha o mesmo material à venda, os pais podem optar por aquela que oferecer o melhor preço. 

A escola não pode pedir itens de uso coletivo na lista de material como: papel higiênico e produtos de limpeza. Também não é preciso comprar o produto da marca sugerida pela escola. Mas é importante verificar o prazo de validade e se aquele material é certificado pelo órgão regulador, especialmente em casos de tintas e canetinhas.

A escola só pode negar o aproveitamento de livros usados se a edição estiver desatualizada. Dessa forma, os alunos podem, sim, utilizar livros dos irmãos mais velhos ou comprados em sebos.

Só é obrigatório comprar o uniforme diretamente na escola se a instituição possuir a exclusividade na venda. Caso contrário, os pais podem escolher a loja com melhor preço. Na hora de ir às compras, os pais podem se unir para comprar em grandes quantidades e garantir um desconto. Sempre é possível uma negociação, principalmente se a compra é num valor maior.