Cidades e transportes

Câmara aprova nome do engenheiro Manoel Barros para viaduto no Espírito Santo

Ele também foi pastor e fundou, em 1970, a Igreja Cristã Maranata, que presidiu até sua morte, em 1986

26/05/2022 - 11:40  

Paulo Sérgio/Câmara dos Deputados
Soraya Manato discursa no plenário
Para Soraya Manato, engenheiro deu contribuição inequívoca ao Espírito Santo

A Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 543/22, do Senado, que denomina Engenheiro Manoel dos Passos Barros o viaduto localizado no entroncamento da BR-101 com a BR-262, no município de Cariacica (ES). A proposta segue para sanção presidencial.

A relatora, deputada Soraya Manato (PTB-ES), recomendou a aprovação. "A contribuição do homenageado para o Espírito Santo é inequívoca", elogiou. Ela lembrou que o engenheiro foi chefe do Departamento de Estradas e Rodagem do estado.

Manoel dos Passos Barros, nascido em 1898, no Amazonas, foi o engenheiro que projetou todas as saídas rodoviárias de Vitória. Na área acadêmica, fundou a Escola Politécnica do Espírito Santo, hoje Centro Tecnológico da Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), onde lecionou Geometria Analítica. Foi também pastor e fundou, em 1970, a Igreja Cristã Maranata, que presidiu até sua morte, em 1986. "Quero parabenizar a Igreja Cristã Maranata por essa homenagem", afirmou Soraya Manato.

Reportagem - Francisco Brandão
Edição - Wilson Silveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta