Cidades e transportes

Projeto dá prioridade a agente de saúde em programa habitacional

01/09/2017 - 13:17  

Alex Ferreira/Câmara dos Deputados
Audiência pública para debater formas para combater a incitação à prática de trote ou outra conduta perniciosa na internet. Dep. Josi Nunes (PMDB - TO)
Josi Nunes lembra que os agentes devem residir na região em que atuam

Tramita na Câmara proposta que inclui os agentes comunitários de saúde e agentes de combate às endemias entre os beneficiários com prioridades de atendimento do Programa Minha Casa Minha Vida (PL 8255/17).

A autora do projeto, deputada Josi Nunes (PMDB-TO), explica que para o exercício de suas atividades, os agentes devem residir na área da comunidade onde atuam.

“Nada mais apropriado então que, nos conjuntos habitacionais de interesse social, esteja garantida a presença dos agentes, tendo em vista o atendimento primário em saúde”, defende a parlamentar.

Tramitação
O projeto, que tramita em caráter conclusivo, será analisado pelas comissões de Desenvolvimento Urbano; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Luiz Gustavo Xavier
Edição – Sandra Crespo

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: undefined undefined/undefined

Íntegra da proposta