JOSÉ FOGAÇA

Biografia

Foto do(a) deputado(a) JOSÉ FOGAÇA MDB-RS
  • Nome Civil: José Alberto Fogaça de Medeiros
  • Nascimento: 13/01/1947
  • Naturalidade: Porto Alegre , RS
  • Profissões: Advogado; Professor
  • Filiação: João Câncio Ferreira de Medeiros e Alba Maria Paglioli Fogaça de Medeiros
  • Escolaridade: Superior

Mandatos (na Câmara dos Deputados):

Deputado(a) Federal - 1983-1987, RS, PMDB, Dt. Posse: 01/02/1983; Deputado(a) Federal - 2015-2019, RS, PMDB, Dt. Posse: 12/02/2015.

Votações em Plenário (Legislaturas): 55

Presença em Comissões (Legislaturas): 55

Presença em Plenário (Legislaturas): 55

Suplências e Efetivações:

Assumiu, como Suplente, o mandato de Deputado Federal, na Legislatura 2015-2019, em 12 de fevereiro de 2015. Afastou-se em 23 de fevereiro de 2015. Reassumiu em 24 de fevereiro de 2015. Afastou-se em 6 de abril de 2018.

Filiações Partidárias:

MDB, 2018

Atividades Partidárias:

Vice-Líder do MDB..

Atividades Parlamentares:


CÂMARA DOS DEPUTADOS - 55ª Legislatura:

COMISSÃO PERMANENTE:
Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional - CREDN: Suplente, 03/03/2015 - 02/02/2016, 22/03/2017 - 02/02/2018, Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços - CDEICS: Suplente, 22/03/2017 - 24/10/2017, Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania - CCJC: Suplente, 10/07/2017 - 08/11/2017, Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional - CREDN: Suplente, 03/04/2018 - 06/04/2018, Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania - CCJC: Titular, 03/03/2015 - 02/02/2016, 03/05/2016 - 02/02/2017, 22/03/2017 - 10/07/2017, Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços - CDEICS: Titular, 24/10/2017 - 02/02/2018, 03/04/2018 - 06/04/2018, Comissão de Cultura - CCULT: Titular, 03/04/2018 - 06/04/2018,
COMISSÃO ESPECIAL:
PEC 182/07 - REFORMA POLÍTICA: Suplente, 25/03/2015 - 12/08/2015, REFORMA POLÍTICA INFRACONSTITUCIONAL: Suplente, 25/03/2015 - 06/04/2018, PL 8045/10 - CÓDIGO DE PROCESSO PENAL: Suplente, 25/02/2016 - 06/04/2018, PL 1428/99 - TRANSPORTE RODOVIÁRIO DE CARGAS: Suplente, 14/06/2016 - 06/04/2018, PL 4567/16 - PETROBRAS E EXPLORAÇÃO DO PRÉ-SAL: Titular, 14/06/2016 - 10/11/2016, PEC 134/15 - PARTICIPAÇÃO FEMININA NO LEGISLATIVO: Titular, 22/08/2016 - 06/04/2018.
CÂMARA DOS DEPUTADOS - Legislaturas anteriores à 54ª
COMISSÕES PERMANENTES: Relações Exteriores: Membro, 1983; Economia, Indústria e Comércio: Suplente, 1983.
CPI: Sobre a dívida externa: Titular, 1983.

Atividades Profissionais e Cargos Públicos:

Apresentador de Programas, TV Gaúcha ; Comentarista Político, Rádio Cultura ; Compositor ; Professor de Língua Portuguesa e Literatura Brasileira, PUC ; Radialista ; Prefeito , Prefeitura Municipal de Porto Alegre, Porto Alegre , RS, 2005 - 2010.

Atividades Sindicais Representativas de Classe Associativas e Conselhos:

Presidente, Centro Acadêmico São Tomás de Aquino , ; Presidente, Diretório Central dos Estudantes (DCE), PUC , .

Estudos e Cursos Diversos:

Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais , Instituição não informada ; Licenciatura em Letras , PUC , - 1969.

Obras Publicadas:


Integração e poder legislativo regional;
Uma Geração Amordaçada (crônicas): Porto Alegre Movimento, 1978. Autor(a);
Nossa luta, nossa esperança . Brasília: Câmara dos Deputados, Coordenação de Publicações , 1983. Autor(a);
Aprendizes da Esperança [S.l. : s.n.], , 1985;
Presidencialismo e a historia do compadrio. . In Revista do Serviço Público. vol 115 n 6 p 66 a 68 maio/jun , 1987;
A Constituição dos Militares, 1987;
A duração do mandato do presidente um sentimento majoritário, 1987;
A Proposta de parlamentarismo ganha força no congresso, 1987;
Assembléia pode reunir plenário paralelamente a sistematização Simon: e preciso sair do impasse, 1987;
Atraso da carta adiara a mudança de sistema, 1987;
Carta de Ilhéus pede referendo, 1987;
Com ou Sem Poire, um constante desacerto, 1987;
Comissão vota com lógica do novo sistema, 1987;
Decisões por conta da bancada, 1987;
Deputado tenta convencer fogaça a mudar seu projeto concepções são muito divergentes, 1987;
Emendas sugerem mais participação popular na elaboração da carta, 1987;
Fogaça acha um risco adiantamento, 1987;
Fogaça conclui trabalho após muita pressão, 1987;
Fogaça crê que radicalismo vai isolar esquerda, 1987;
Fogaça defende a anistia ampla, geral e irrestrita para militares, 1987;
Fogaça diz que base de Sarney "esta minada", 1987;
Fogaça diz que base de Sarney "esta minada", 1987;
Fogaça diz que só com novo regime Sarney fica seis anos, 1987;
Fogaça faz a vez de relator na comissão , 1987;
Fogaça insiste em apreciar ação de ministros militares, 1987;
Fogaça insiste no poder de veto aos militares, 1987;
Fogaça já admite modificar o relatório, 1987;
Fogaça leva opção a relator, 1987;
Fogaça mantém quatro anos em seu relatório, 1987;
Fogaça não acredita em eleição no ano que vem, 1987;
Fogaça não quer exceção para ministros militares, 1987;
fogaça pede acordo com o centro, 1987;
Fogaça prega carta de consenso, 1987;
Fogaça prega destituição, 1987;
Fogaça prevê depuração dos peemedebistas, 1987;
Fogaça proporá fortalecimento do congresso, 1987;
Fogaça proporá semipresidencialismo, 1987;
Fogaça só aceita discutir forma de implantação, 1987;
Históricos prometem acirrar crise no PMDB, 1987;
José Fogaça quer definir o mandato, 1987;
Manifestações só no momento oportuno, 1987;
Mesa abre nova crise na aliança, 1987;
Os Vícios do presidencialismo, 1987;
PMDB aprova o novo regime, PFL aceita bem a mudança, 1987;
PMDB da 4 anos a Sarney com parlamentarismo "queda" de militares e vetada, 1987;
PMDB da 4 anos a Sarney com parlamentarismo PMDB apóia parecer de Fogaça, 1987;
PMDB já discute mandato de Sarney, 1987;
Presidencialistas se dividem, 1987;
Presidente fica do menos poder, 1987;
Progressistas tentam apoio de centristas, 1987;
Relator afirma que peemedebista quer parlamentarismo com Sarney, 1987;
Relator da comissão proporá quatro anos, 1987;
Relator propõe 5 anos com parlamento, 1987;
Relator propõe mandato presidencial de quatro anos, 1987;
Sarney ignora "caráter de transição", afirma senador Jose Fogaça, 1987;
Sarney insiste em ter mandato definido por acordo ala governista pode apelar pela lentidão, 1987;
Sistema de governo proposto regime "neoparlamentarismo", 1987;
Sistematização aprova censura que não proíbe, 1987;
Sistematização veta pluralidade sindical: proibida a locação de mão-de-obra, 1987;
Uma Geração que avança. Brasília : Câmara dos Deputados, Coordenação de Publicações, 1987. Autor(a);
Acordo fica mais próximo. , 1988;
Acordo viabiliza eleições municipais, 1988;
Aprovado o domicilio eleitoral, 1988;
As Estrelas do dia critica quase da pancadaria. , 1988;
Buraco dentro do buraco, mais um risco na votação, 1988;
Carta pode ignorar os bens do df, 1988;
Comissão de redação e que resolvera casos de omissões, 1988;
Congresso constituinte garante a extinção da censura, 1988;
Corporativismo da carta assusta ate relatores negociação fica limitada agora., 1988;
Correções, só com um comissão, 1988;
De Nove emendas, só uma fixa mandato em 4 anos, 1988;
Discussão deixa tenso o clima no plenário, 1988;
E o texto final? como é que fica?, 1988;
Eleições em dois turnos divide o Senado, 1988;
Eleições agora fala-se em prefeitos por um ano, 1988;
Emenda presidencialista pode manter figura do decreto-lei, 1988;
Emenda propõe misturar duas formas de governo, 1988;
Emendas que cortam os gastos são aceitas, 1988;
Emendas reabilitam capital estrangeiro, 1988;
Estados e municípios ganham com acordo sobre os bens da união cartório: competência estadual, 1988;
Fogaça afirma que históricos podem ter chapa própria, 1988;
Fogaça aponta falha que impede adoção de presidencialismo, 1988;
Fogaça ataca presidencialismo e acha que ha forte indicio por quatro anos, 1988;
Fogaça diz que comissão de redação não esta mudando conteúdo do texto, 1988;
Fogaça diz que é contra-informação, 1988;
Fogaça é relator do projeto, 1988;
Fogaça Sarney terá 5 anos, 1988;
Fogaça teme impasse no presidencialismo, 1988;
Idade mínima para ministros é 21 anos, 1988;
Já começam a corrigir o texto, 1988;
Lei ordinária pode decidir novo governo, 1988;
Lideres tentam acordo para a greve do servidor, 1988;
Marajás estão próximos do fim, 1988;
Para campos, não há como mudar o regime, 1988;
Para Fogaça, mandato só em dez dias, 1988;
Parlamentarista reage à pressão de governadores, 1988;
Plenário aprova sistema único de serviços de saúde, 1988;
Políticos tem dia de lazer e de otimismo, 1988;
Presidencialistas não fazem fusão de emendas risco de inviabilização, 1988;
Qual O Sistema de governo ideal para o país?, 1988;
Relatores não mudam texto, diz fogaça, 1988;
Sarney eleição municipal e irreversível, 1988;
Segundo turno vai depender da constituinte, 1988;
Senado deve votar eleição hoje, 1988;
Senado Veta os dois turnos nas eleições municipais, 1988;
Senado vota hoje o projeto eleitoral, 1988;
Senado defende rigor contra boca de urna, 1988;
Sistema Fogaça não vê saída, só refazendo o texto todo, 1988;
Subsolo não é bem exclusivo da União, 1988;
Sugestão de Fogaça possibilita o acordo, 1988;
Supressão de despesas terá apoio de relator, 1988;
Um Retrato do futuro, segundo a constituinte. Congresso fica mais forte e reduz poder do executivo, 1988;
Usucapião cai para cinco anos, 1988;
Em defesa do governo Simon-Guazzelli. Brasília : Senado Federal, Centro Gráfico, 1991;
É Possível acabar com o fisiologismo na política brasileira?. Visão, vol 41 n 35 p 16 ago, 1992;
A CPI e o juridicismo, 1992;
A imprensa e o direito a honra, 1992;
A Lei de imprensa e o discurso de Marco Antonio, 1992;
A Lei de imprensa e o olho do furacão, 1992;
O Congresso e a armadilha do juridicismo, 1992;
O que é a nova lei de imprensa, 1992;
A ira olímpica e a chã necessidade, 1993;
Acho que a renuncia foi positiva, 1993;
Asas de cera, 1993;
Briga ameaça revisão da constituição, 1993;
Fogaça garante que PMDB não aposta no cãos, 1993;
O PMDB e a \'terceira via\' para a sucessão, 1993;
Partidos sem Brasil, 1993;
Votação do IPMF deixa o senado indeciso, 1993;
O Supremo e os microcandidatos, 1994;
Concessões de serviço público de transporte coletivo de passageiros. Revista dos Transportes Públicos. Vol. 17 n 66 p 77 a 79, 1995;
Real sucesso e risco, 1995;
O Senado Entra no jogo. Rumos do Desenvolvimento. v.20, n.127, p.6-11, ago. , 1996;
Uma nova lei de imprensa, 1997;
\'Impunidade compromete imagem do parlamento.\', 1998;
Pelo fim do absenteímo, 1998.