18/11/2022

! Não consegue assistir ao vídeo? Peça para bancodeconteudo@camara.leg.br

18/11/2022

! Não consegue assistir ao vídeo? Peça para bancodeconteudo@camara.leg.br

Crescimento da Bancada Feminina

A partir de 2023, a Câmara dos Deputados terá a maior bancada feminina já eleita. Serão 91 deputadas, ou seja, 18% do total de parlamentares. Hoje, estão em exercício 77, são apenas 15% das cadeiras. Além disso, candidatas mulheres foram as mais votadas em nove estados brasileiros. 

A bancada feminina terá ainda, pela primeira vez na história da Câmara dos Deputados, duas deputadas trans, que já passaram por cargos dos legislativos locais antes de chegar à Câmara, com votações recorde em seus estados. Por outro lado, a conquista ainda está longe de ser a ideal.

Quatro estados, Alagoas, Amazonas, Paraíba e Tocantins,  não elegeram nenhuma deputada. Em comparação a outros países, a participação das mulheres nos parlamentos é de 26% em média, segundo a União Interparlamentar, UIP, organização global que reúne 193 países. Se fosse seguir esse padrão, a bancada feminina na Câmara seria de 135 deputadas. Para analisar o resultado das urnas e a influência nas votações no Congresso, as entrevistadas são as deputadas Maria Rosas (Republicanos-SP), que é Procuradora Adjunta da Procuradoria da Mulher; e Maria do Rosário (PT-RS), que é vice-líder do seu partido.

Apresentação: Regina Assumpção
Produção: Ewerton Falcão
Direção: Fernanda Vanacôr Bretanha

Elas Pautam

Elas Pautam - mulheres na política, conta com a participação de duas parlamentares, numa conversa informal sobre temas diversos de interesse da bancada feminina, tendo como anfitriã uma jornalista da TV Câmara.

Programa de debate quinzenal, exibido sexta-feira, 20h30

NOSSAS REDES