Participação Popular

Baixar

Estreia: 23/01/2013

Legalização dos jogos no Brasil

Os estados brasileiros gastam dinheiro para montar operações policiais que fiscalizam e reprimem o jogo do bicho. Não seria um dinheiro desperdiçado, já que o Brasil tem jogos legalizados e operados pela Caixa Econômica Federal, que pertence ao governo ? A própria Caixa não poderia operar o jogo do bicho?
Será que a proibição desse jogo não é fruto de um momento histórico e poderia ser revisto, gerando renda para áreas do estado?
E os cassinos? Eram legais até 1946. Todas as grandes cidades tinham bons cassinos, como o famoso de Copacabana ou o do Pina, no Recife. Por uma decisão do presidente à época, Eurico Gaspar Dutra, os cassinos foram proibidos. Muitos historiadores afirmam que ele tomou essa decisão por forte influência da esposa. Ela era católica fanática e não gostava que homens da politicas e militares frequentassem o Cassino de Copacabana.
A antiga e polêmica lei continua valendo, mas a sociedade ainda se questiona se a proibição realmente traz benefícios.  Os cassinos não poderiam gerar renda para o estado ?
Muitos brasileiros viajam para a Argentina, Uruguai e Las Vegas, nos Estados Unidos, só para jogar. Não seria melhor eles gastarem parte desse dinheiro aqui mesmo?
Qual o medo da sociedade ? Até onde a operação de cassinos está mesmo sempre ligada à máfias ilegais ? Proibir não é pior do que permite e controlar ?

Quando o tema é jogos ilegais, cassinos e bingos, são muitas as questões que se colocam. Entre na discussão. Dê o seu papite. 

Participe do debate com especialistas, parlamentares e o povo nas ruas de Brasília. Mande suas perguntas e sugestões pelo telefone 0800 619 619 ou pelo email participacaopopular@camara.leg.br. Acesse também o endereço www.tv.camara.leg.br e entre no nosso "videochat".

Em janeiro, o Participação Popular vai ao ar, diariamente, das 18h às 19h, pela TV e pela Rádio Câmara. Ao vivo. Não deixe de participar você também.

Participação Popular

O que o cidadão comum acha dos temas que o Congresso discute? Nesse programa, populares, políticos e especialistas dão a sua visão do que movimenta os debates parlamentares. Mande sua pergunta ou opinião para o 0800 619 619, o email participacaopopular@camara.leg.br ou pelo Twitter @participacaopop

Estreia: segunda, às 13h. Reprises: segunda, 22h; quarta, à 1h e às 21h30; sábado, às 16h; domingo, às 10h.

facebook twitter youtube whatsapp

Todas as Edições

Mais conteúdo sobre