TV Câmara

Fatos e Opiniões

Estreia: 29/06/2012

Fatos e Opiniões destaca debate sobre redução da jornada de trabalho dos enfermeiros e redistribuição dos royalties do petróleo

Um acordo entre líderes partidários e o presidente da Câmara permitiu a votação de várias propostas durante a semana. Já o projeto que reduz para 30 horas a jornada de trabalho dos enfermeiros e o que redistribui os royalties do petróleo, embora também constassem da pauta do plenário, não foram votados. O líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia, justificou a posição do governo. Os deputados denunciavam as manobras regimentais e insistiam na votação da proposta. Os trabalhadores da enfermagem protestavam das galerias. Logo depois de fazer um apelo ao Plenário para um entendimento que permita a votação das duas matérias na próxima semana, o presidente da Câmara foi acusado de prejudicar os enfermeiros pelo deputado Mendonça Prado (DEM-SE). O presidente reagiu e rebateu as críticas.

Entre os projetos aprovados está o que regulamenta as cooperativas de trabalho. Para o PSDB, a proposta fortalece a relação entre trabalhadores e as organizações cooperativistas. O deputado Assis do Couto destacou que a nova lei pode prejudicar as pequenas cooperativas. Outro projeto aprovado com o apoio de todos os partidos foi o que autoriza o uso de medicamentos genéricos na medicina veterinária. Para alguns deputados, a aprovação da proposta pode significar redução no preço dos produtos de origem animal. Diante da possibilidade de o processo de cassação do senador Demóstenes Torres chegar ao plenário do Senado, deputados se manifestaram pela votação da PEC do Voto Aberto.

Os deputados se manifestaram também contra o golpe que destituiu do poder o presidente do Paraguai. O Senado Paraguaio aprovou em menos de 24 horas o impeachment do presidente Fernando Lugo, eleito democraticamente. O PSDB protestou também contra a manifestação de repúdio à cassação do presidente Fernando Lugo discutida na Comissão de Relações Exteriores da Câmara.

Fatos e Opiniões

O programa apresenta uma coletânea dos discursos feitos em Plenário ao longo da semana, em 30 minutos editados por tema, de forma objetiva, numa linguagem atraente.

Estreia: Sexta, às 21h. Reprises: sábado, às 0h, 6h30, às 10h e às 18h30. Domingo, às 11h, às 16h e às 23h30. Segunda, às 1h30 e às 6h30.

NOSSAS REDES