Câmara Hoje

Baixar

Brasileiros ainda se deslocam mais de carro do que de ônibus

Muitos carros nas ruas e uma frota que não para de crescer. Na contramão do discurso em defesa da natureza e da qualidade de vida, o transporte público ainda não atende a maioria dos brasileiros.

Carros, caminhões, ônibus, motos. A frota no Brasil é de cerca de 62 milhões de unidades: 1 veículo pra cada grupo de três brasileiros. Quando precisa se deslocar no dia-a-dia, as pessoas ou preferem ou não têm opção melhor: vão de carro. Resultado: a frota cresce rapidamente em todo o país: em São Paulo aumentou 5% em apenas um ano, entre 2008 e 2009. Em Brasília quase 8%. E, em Porto Velho, uma expansão impressionante de 15,7%.

São 36 milhões de automóveis e 13 milhões de motos no país, segundo o Departamento Nacional de Trânsito. Os 442 mil ônibus ainda não transportam a maioria dos brasileiros: enquanto 16 bilhões e 800 milhões de passageiros usam transporte público todos os anos, 17 bilhões usam veículos individuais. O dado serve de alerta pra necessidade de se investir mais em transporte público de qualidade.

Além de diminuir os engarrafamentos, o transporte coletivo agride menos o meio ambiente. Segundo o Ministério do Meio Ambiente, o transporte individual de passageiros emite 40 vezes mais poluentes do que o transporte público. Entre as soluções apontadas, especialistas defendem a implantação do Sistema de Transporte Rápido por ônibus, a exemplo do que já existe em Curitiba. Já para a Copa de 2014 a previsão é de que nove das doze cidades-sede da Copa terão implantado o sistema de operação exclusiva em corredores de ônibus - o chamado BRT (sigla para Bus Rapid Transit).

Câmara Hoje

Telejornal com as principais notícias do Legislativo. Além das tradicionais reportagens, o Câmara Hoje realiza, diariamente, debates, ao vivo, sobre os grandes temas do dia. Repórteres que acompanham os bastidores do Legislativo trazem as informações mais quentes e entrevistam seus convidados - parlamentares, especialistas e representantes da sociedade civil.

De terça a sexta-feira, às 9 horas

Todas as Edições