Rádio Câmara

Samba da Minha Terra

Portela - 100 anos

Portela - 100 anos

09/04/2023 - 12h00

  • Portela - 100 anos - versão em bloco único

  • Portela - 100 anos - Bloco 1

  • Portela - 100 anos - Bloco 2

Samba da Minha Terra viaja pelos 100 anos de história da Portela, um dos ícones no universo das escolas de samba. A “majestade do samba” e “águia azul e branco de Oswaldo Cruz e Madureira” nasceu em 11 de abril de 1923, apesar de controvérsias quanto à data oficial. Relembre o nascimento da escola em encontro de bambas, em um boteco da Estrada do Portela; os primeiros desfiles; a marca de maior campeã do carnaval carioca, sendo sete títulos seguidos nos anos 1940; o pioneirismo em alegorias, comissão de frente e samba de enredo; e a imensa lista de baluartes do samba de raiz. No quadro “poesia do samba”, saiba como surgiu um dos preciosos hinos informais da escola, após um poeta portelense criar versos de encantamento pelo verde-rosa mangueirense. Ao longo do programa, a velha guarda e as novas gerações de sambistas se rendem à pura essência das raízes portelenses.

MÚSICAS

Corri pra ver (Casquinha, Chico Santana e Monarco), com Monarco e Velha Guarda da Portela
O passado da Portela (Monarco), com João Nogueira
Portela (Teresa Cristina e Pedro Miranda), com Teresa Cristina e Cristina Buarque
Hino da Portela (Chico Santana), com Paulinho da Viola, João Nogueira, Monarco, Dorina, Wilson Moreira, Cristina Buarque, Eliane Faria, Simone Moreno e Noca da Portela
Teste ao samba (Paulo da Portela), com Velha Guarda da Portela (Portela 1939)
Escolas em desfile e Portela sem vaidade (Monarco), idem
O azul que vem do infinito (Wanderley Monteiro, Vinicius Ferreira, Rafael Gigante, Edmar Jr, Bira e Marcelāo), com Portela 2023
Portela desde que nasci (Monarco), idem
Homenagem à Velha Guarda (Monarco) , com Velha Guarda da Portela
Se tu fores na Portela (Ventura), com Velha Guarda da Portela
Saudades da Portela (Monarco), com Velha Guarda da Portela
Portela, passado de glória (Monarco), com Velha Guarda Portela
Foi um rio que passou em minha vida (Paulinho da Viola), idem
Quem nunca sentiu o corpo arrepiar ao ver esse rio passar (Samir Trindade, Elson Ramires, Neyzinho do Cavaco, Paulo Lolita 77, Beto Rocha, Girão e J.Sales), com Portela 2017
Porta aberta (Luiz Ayrão), idem
Portela na avenida (Paulo César Pinheiro e Mauro Duarte), com Mariene de Castro
O ideal é competir (Candeia e Casquinha), com Paulinho da Viola e Velha Guarda da Portela

TRECHOS
Gosto que me enrosco (Noca da Portela, Colombo e Gelson), com Portela 1995
No voo da águia, uma viagem sem fim (Dimenor, Edmar Jr, Elson Ramires, Lopita 77, Samir Trindade e Wanderley Monteiro), com Portela 2016
Carnaval de guerra (Alvaiade e Nilson), com Portela 1943
Portela, você me trouxe paz (Manacéa e César Saraiva), com Jacyr da Portela
Portela feliz (Zé Keti), idem
Sei lá, Mangueira (Paulinho da Viola e Hermínio Belo de Carvalho), com Elizeth Cardoso
Contos de areia (Dedé da Portela e Norival Reis), com Portela 1984

Sonoplastia - Tony Ribeiro
Apresentação e pesquisa - José Carlos Oliveira

Acompanhe a riqueza poética e melódica do ritmo mais popular do Brasil. Quadros especiais destacam as letras mais requintadas, inovadoras ou significativas, as entrevistas históricas e os espaços dedicados ao samba em todo o país.

Domingo, às 12h, e quinta, à 0h

TODAS AS EDIÇÕES