Rádio Câmara

Salão Verde

Reciclagem: avaliação e desafios

Reciclagem: avaliação e desafios

22/08/2022 - 12h00

  • Reciclagem: avaliação e desafios

No mês em que a Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei 12.305/10) completa 12 anos de vigência, Salão Verde terá duas edições seguidas sobre avanços conquistados e busca por objetivos ainda não alcançados, sobretudo em relação à reciclagem de materiais descartados no lixo. Confira os resultados da pesquisa sobre a realidade e os desafios da coleta seletiva e da inclusão social dos catadores em três cidades de diferentes regiões do país (Curitiba, Natal e Rio de Janeiro). Tem entrevista com a autora desse estudo científico, publicado recentemente no livro “Caminhos da inclusão social”. O programa também repercute a decisão do Congresso Nacional de derrubar o veto presidencial a trechos da lei (14.260/21) de incentivo à reciclagem. O autor da lei aposta que a medida vai ajudar as atuais cooperativas de catadores a se transformarem em pequenas indústrias de beneficiamento de produtos reciclados. Outro destaque é a própria Câmara dos Deputados, que produz cerca de 1,5 tonelada de material reciclável por dia e foi uma das pioneiras na implantação da coleta seletiva entre os órgãos públicos.

Pontos de vista nesta edição: Raquel da Costa Silveira, doutora em ciências sociais, mestre em estudos urbanos e regionais, professora do Departamento de Políticas Públicas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e autora do livro “Caminhos da inclusão social à luz da Política Nacional de Resíduos Sólidos”; Maristela Paiva, integrante do EcoCâmara, órgão gestor da sustentabilidade na Câmara dos Deputados; e deputado Carlos Gomes (Republicanos-RS), ex-catador e autor da lei de incentivo à reciclagem.

Produção - Lucélia Cristina
Edição e apresentação - José Carlos Oliveira

Semanalmente, o programa traz conteúdo variado de entrevistas, matérias especiais e debates que aprofundam temas sobre a sustentabilidade no Brasil e no mundo. Quadros especiais destacam dicas para um meio ambiente equilibrado e novidades científicas sobre a dinâmica do planeta e da natureza.

Em 4 horários: segunda, 12h; terça, 6h; sexta, 12h; e domingo, 10h.