Rádio Câmara

Com a Palavra

Momento O Eco: estudo alerta para o desmatamento de áreas protegidas da Amazônia

  • Momento O Eco: estudo alerta para o desmatamento de áreas protegidas da Amazônia

Embora sejam barreiras na luta contra o avanço do desmatamento na Amazônia, as áreas protegidas sofrem com um problema: 10% do total de florestas derrubadas na região entre agosto de 2012 e julho de 2014 ocorreu dentro delas. O número foi levantado por um estudo da ONG Imazon.

Nesse período de dois anos a Amazônia perdeu 1,5 milhão de hectares, quase 10 vezes o tamanho da cidade de São Paulo. A parcela derrubada dentro de áreas protegidas foi de 158 mil hectares, ou o equivalente a uma São Paulo.

Os motivos que tornam as áreas protegidas amazônicas vulneráveis são conhecidos e nacionais. Eles começam com falhas na gestão e, até mesmo, de implantação. Mas um dos maiores problemas é a área ser vizinha a uma grande obra de infraestrutura, como hidrelétricas e rodovias. Essas obras facilitam o acesso e aumentam o interesse de grileiros, madeireiros e outros grupos invasores, especialmente de áreas protegidas quase sem vigilância.

Boa parte das áreas protegidas brasileiras sofre, principalmente, por não sair do projeto. Ficam no papel. 80% da destruição ocorreu dentro daquelas que não têm plano de manejo, falta conselho gestor, falta dinheiro e servidores.

Outra descoberta do estudo foi que áreas protegidas sob gestão federal se saíram melhor do que as de gestão estadual. Dois terços da perda de florestas ocorreu dentro de áreas estaduais.

Apresentação – Eduardo Pergurier

Programa ao vivo com reportagens, entrevistas sobre temas relacionados à Câmara dos Deputados, e o que vai ser destaque durante a semana.

facebook twitter rss