Com a Palavra

Cinco pessoas morrem a cada hora no Brasil vítimas de armas de fogo

Publicação: 15/05/2015 - 09:06

  • Cinco pessoas morrem a cada hora no Brasil vítimas de armas de fogo

A mais nova edição do "Mapa da Violência" revela que morar no Brasil está cada dia mais perigoso. Em 2012, cinco pessoas, a cada hora, foram mortas por armas de fogo no país. Ou seja, 42 mil vidas foram perdidas após serem baleadas. Esse é o pior resultado do estudo que mapeia a violência brasileira desde a década de 1980.

O mapa foi elaborado com base nos dados do subsistema de informação sobre mortalidade, o SIM, do Ministério da Saúde, que registra as certidões de óbito em todo o país. Desse universo, mais de 40 mil mortes, ou seja, quase 95%, foram causadas por homicídios. Do total de vítimas pelas armas de fogo, 94% são do sexo masculino.

Esse dado coloca o Brasil na 11ª posição entre 90 países analisados pelo estudo. Estão na frente do Brasil, segundo a taxa de mortalidade por arma de fogo, Venezuela, Ilhas Virgens, El Salvador, Trinidad e Tobago, Guatemala, Colômbia, Iraque, Bahamas, Belize e Porto Rico.

Para discutir esses dados, esteve Com a Palavra nesta sexta-feira (15) o deputado Laudívio Carvalho, do PMDB de Minas Gerais. Ele é relator da Comissão Especial do Estatuto Desarmamento. Confira a entrevista!

Apresentação – Elisabel Ferriche e Márcio Salema

Programa ao vivo com reportagens, entrevistas sobre temas relacionados à Câmara dos Deputados, e o que vai ser destaque durante a semana.

facebook twitter rss

Todas as Edições