Com a Palavra

Abstenção em 2014 é a maior das últimas eleições

Publicação: 08/10/2014 - 10:30

  • Abstenção em 2014 é a maior das últimas eleições

Rafael Neddermeyer/Fotos Públicas
Política - Eleições - título eleitoral voto eleições urna
Abstenções refletem falta de identificação do eleitor com propostas, diz especialista.

Quase 28 milhões de eleitores não compareceram às urnas, no primeiro turno destas eleições. O índice corresponde a cerca de 20% do eleitoral nacional. No comparativo com as últimas eleições gerais, em 2010, houve um aumento de 2,2 milhões de eleitores que deixaram de votar, o que representa 18,12% do total do eleitorado naquele ano.
Os estados com maior abstenção em 2014 foram o Maranhão, com 23,63% (um milhão de eleitores), e a Bahia, com 23,2% (2,3 milhões de eleitores). A menor abstenção foi no Distrito Federal.

As votações em branco também atingiram o maior percentual das últimas quatro eleições, com 3,8%, o que corresponde 4,4 milhões de eleitores que preferiram não dar seu voto a candidatos.

Já o percentual de votos nulos, que estava em queda desde 2002, voltou a crescer, chegando a 5,8% do total (6,67 milhões).

Para repercutir o comportamento do eleitor, o Com a Palavra... entrevistou o sociólogo e cientista político da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Paulo Baía. Segundo ele, os números refletem as manifestações do ano passado, quando a população mostrou grande indignação contra todo o sistema político e, ao mesmo tempo, reflete a vontade do eleitor brasileiro de acabar com o voto obrigatório.

Apresentação – Lincoln Macário e Elisabel Ferriche

Programa ao vivo com reportagens, entrevistas sobre temas relacionados à Câmara dos Deputados, e o que vai ser destaque durante a semana.

facebook twitter rss

Todas as Edições