Palavra de Especialista

Qualidade dos cursos de medicina (15' 59")

Publicação: 14/06/2006 - 00:00

  • Qualidade dos cursos de medicina (15' 59")

Do ano 2000 a 2005, o Ministério da Educação autorizou o funcionamento de na menos que 50 novos cursos de medicina no país. Embora a Organização Mundial de Saúde recomende a relação de UM médico para cada mil habitantes, o Brasil já conta com UM médico para cada 622 habitantes. Mas a distribuição é desigual: em Brasília, há um médico para cada 309 habitantes. No Maranhão, existe um médico para cada 1.917 moradores. No interior do país, a desigualdade é ainda mais gritante. Os dados constam da segunda edição do estudo “Abertura de Escolas de Medicina no Brasil: Relatório de um Cenário Sombrio", lançado pela Associação Médica Brasileira e pelo Conselho Federal de Medicina. O relatório aponta que a grande quantidade de escolas médicas não vem acompanhada do aumento da qualidade dos médicos formados, muito pelo contrário. O estudo denuncia que cursos de medicina são montados com programas pedagógicos que nada mais são do que “cartas de intenções”, sem compromisso social e infra-estrutura física e de pessoal adequadas. Atualmente, o Brasil conta com 156 escolas de medicina, sendo 88 particulares. No Palavra de Especilista, a jornalista Adriana Magalhães conversa sobre o assunto com um dos autores do relatório, o médico cardiologista Ronaldo da Rocha Loures Bueno, que também é professor da Universidade Federal do Paraná.

Semanalmente, um repórter conversa com um especialista sobre os mais variados temas.

facebook twitter rss

Todas as Edições