A Voz do Brasil

Guerra de traficantes no Rio de Janeiro preocupa parlamentares

Publicação: 13/04/2004 - 00:00

  • Guerra de traficantes no Rio de Janeiro preocupa parlamentares

TEC- VINHETA/ABERTURA....
LOC- Guerra de traficantes no Rio de Janeiro preocupa parlamentares
LOC- Missão da União Européia inspeciona rebanhos brasileiros
LOC- Deputados cobram reajuste do salário mínimo
TEC- SOBE VINHETA/ABERTURA....
LOC- DOUTOR HÉLIO, do PDT paulista, cobrou do governo a definição do salário mínimo, com recuperação do poder de compra. Ele lembrou o compromisso assumido pelo presidente Lula de dobrar o valor do mínimo em quatro anos.
LOC- DOUTOR HÉLIO defendeu um salário mínimo de 350 reais e pediu aos líderes uma comissão geral para debater o tema na presença de ministros, sindicatos e trabalhadores.
LOC- JOSÉ ROBERTO ARRUDA, do PFL do Distrito Federal, registrou projeto de sua autoria que fixa o valor do salário mínimo em 320 reais. Ele enfatizou que o governo precisa tratar os trabalhadores da mesma forma que atende aos banqueiros.
LOC- O deputado destacou que o índice de correção da taxa Selic que beneficia os bancos ficou em torno de 153 por cento, percentual, que para ele, deveria servir como referencial para melhorar o salário do trabalhador.
LOC- JOSÉ ROBERTO ARRUDA justificou que o salário mínimo de 320 reais injetaria mais dinheiro na economia e aumentaria o poder de compra do trabalhador.
LOC- JOÃO CORREIA do PMDB do Acre, também cobrou da equipe econômica o aumento para o salário mínimo.
LOC- Na opinião de JOÃO CORREIA, o reajuste poderá tirar o país da estagnação. Ele não entende como o Brasil pode registrar um crescimento negativo reunindo tantas potencialidades.
LOC- ANTONIO CARLOS PANNUNZIO do PSDB de São Paulo, acusou o governo de provocar um grande prejuízo aos trabalhadores mais humildes ao adiar a definição do salário mínimo.
LOC- PANNUNZIO afirmou que o presidente não parece preocupado com o salário dos trabalhadores, e que a prioridade do governo é a compra de um novo avião. A primeira parcela, de 57 milhões de reais, já foi paga.
TEC- VINHETA/EFEITO...
LOC- ALMIR SÁ, do PL de Roraima, pediu aumento salarial para os militares, na mesma proporção do reajuste concedido aos servidores civis.
LOC- Para ALMIR SÁ, o piloto de um caça que vale milhões não pode receber o mesmo salário que um policial. Mas ele considera que todos os servidores, civis e militares, estão abandonados.
LOC- LUIZ CARLOS HEINZE, do PP gaúcho, reivindicou um reajuste digno para os militares, condenando a proposta do governo de um “agrado” de dez por cento para os oficiais da ativa e da reserva.
LOC- HEINZE reafirmou que situações como a vivida pelo Rio de Janeiro mostra a necessidade do governo respeitar as Forças Armadas.
LOC- ARNALDO FARIA DE SÁ, do PTB paulista, cobrou o cumprimento do acordo feito no Senado sobre as medidas propostas na chamada PEC paralela da previdência.
LOC- FARIA DE SÁ lamentou o adiamento sem data definida para a votação do relatório do deputado José Pimentel na comissão especial, ressaltando que a PEC paralela é essencial para garantir a paridade entre ativos e aposentados.
TEC- VINHETA/PASSAGEM...
LOC- Deputado condena críticas de ex-presidente ao governo
LOC- O deputado ZARATTINI, do PT paulista, condenou as declarações feitas pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso de que o atual governo teria perdido o rumo. Segundo ele, quem deixou o governo com o dólar a quase quatro reais não tem o direito de fazer críticas.
LOC- ZARATTINI afirmou que o presidente Lula conseguiu controlar a inflação, enquanto FHC assumiu o governo com uma dívida de 64 bilhões e que passou para 860 bilhões em oito anos. Ele lembra que o PT tem apenas 15 meses de gestão.
LOC- SEBASTIÃO MADEIRA, do PSDB, reclamou da maneira como o governo Lula trata da segurança pública, pois mesmo com verbas do orçamento destinadas à área, os investimentos são mínimos.
LOC- O deputado maranhense acusou ainda o Executivo de não ter aplicado recursos do FAT em programas de geração de emprego, de ter tentado cortar verbas da saúde e do PETI, além de reter recursos do FGTS, proporcionando altos lucros à Caixa Econômica, que administra o dinheiro.
LOC- SEBASTIÃO MADEIRA lamenta que o governo Lula invista pouco em setores importantes, e afirmou que diante da falta de ações, é difícil que os brasileiros sejam otimistas em relação à administração do país.
TEC- VINHETA/EFEITO...
LOC- INOCÊNCIO OLIVEIRA, do PFL de Pernambuco, alertou que a falta de rumo do governo brasileiro tem gerado preocupação nos investidores, que estão deixando o país.
LOC- INOCÊNCIO OLIVEIRA defende investimentos públicos na geração de emprego e renda para alavancar a economia e manter a estabilidade e confiança internacional.
LOC- CORIOLANO SALES, do PFL baiano, registrou sua indignação com a concentração bancária no país, que compromete a economia e não recebe a atenção devida do governo Lula.
LOC- CORIOLANO SALES disse que o mecanismo não possibilita que o crédito chegue na base da sociedade e inviabiliza o desenvolvimento de regiões empobrecidas do país.
LOC- LUIZ COUTO, do PT da Paraíba, condenou privilégios e ressaltou o compromisso do presidente Lula contra a corrupção e a impunidade.
LOC- Ele elogiou as ações o governo de combate à corrupção, como o trabalho da controladoria-geral da união, que desenvolve o programa nacional de controle de recursos públicos, para inibir e punir irregularidades nas administrações de municípios.
LOC- O deputado defendeu também a autonomia do Ministério Público e o reaparelhamento da Polícia Federal como instrumentos de combate aos crimes de colarinho branco.
LOC- LUIZ COUTO informou ainda que solicitou a apuração de denúncias de superfaturamento e descontrole administrativo na Secretaria de Saúde da Paraíba, e cobrou a transparência na aplicação dos recursos do estado.
TEC- VINHETA/PASSAGEM...
LOC- Parlamentar justifica inspeção em instalações nucleares
LOC- COLBERT MARTINS, do PPS, disse que a questão das inspeções em instalações nucleares no Brasil representa um processo natural para garantir compromissos relativos à segurança.
LOC- COLBERT MARTINS assegurou que os emissários do governo norte-americano vão ser bem recebidos em território brasileiro, mas advertiu que os Estados Unidos devem atender ao princípio da reciprocidade, para que o Brasil tenha apoio técnico e possa aprimorar a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico.
LOC- JOÃO MENDES DE JESUS, do PSL fluminense, destacou a passagem do Dia da Inclusão Digital, em 29 de março e alertou para a importância do Brasil se integrar ao desenvolvimento tecnológico, para garantir sua soberania e independência.
LOC- O deputado critica que os bilhões de reais arrecadados para o FUST, com o desconto de um por cento do valor das contas telefônicas, não sejam aplicados em projetos de inclusão digital.
LOC- JOÃO MENDES DE JESUS defende que os recursos do FUST sejam aplicados na instalação da Internet nas escolas públicas, auxiliando na educação e proporcionando às crianças carentes o uso de tecnologias da computação.
LOC- CÉSAR BANDEIRA, do PFL do Maranhão, considerou que a Medida Provisória que o governo pretende editar nos próximos dias, criando cotas nas universidades para negros, índios e presidiários, estimula o preconceito.
LOC- Afirmando que a medida é populista e demagógica, CÉSAR BANDEIRA pediu ao governo melhores salários para os professores e a recuperação física das universidades.
TEC- VINHETA/EFEITO...
LOC- PROFESSOR IRAPUAN TEIXEIRA, do PP, pediu para que o acordo entre o Brasil e os Estados Unidos sobre o programa espacial não seja paralisado. Ele lamenta a falta de recursos para o programa.
LOC- Outra preocupação do parlamentar paulista é com a participação inexpressiva da indústria nacional neste segmento. De acordo com IRAPUAN TEIXEIRA, o Brasil poderia gerar empregos com a fabricação de peças para os foguetes.
LOC- COSTA FERREIRA, do PSC do Maranhão, defendeu a retomada do programa espacial brasileiro, mas com medidas eficazes de segurança para evitar novas tragédias como a registrada em 22 de agosto do ano passado, em Alcântara.
LOC- NILSON MOURÃO, do PT acreano, registrou que já está em vigor a rotulagem dos produtos que contenham organismos geneticamente modificados. A medida constitui mais uma ação do presidente Lula, executada pelo Ministério da Agricultura.
LOC- NILSON MOURÃO explicou que os produtos que possuem soja transgênica colhida em 2003 devem indicar a possibilidade da modificação genética, e os produtos deste ano vão apresentar selo próprio, para melhor orientar os consumidores brasileiros.
TEC- VINHETA/PASSAGEM...
LOC- Redução do número de vereadores ainda gera polêmica
LOC- BISMARCK MAIA, do PSDB cearense, ressaltou que a decisão de diminuir o número de vereadores só irá restringir a representatividade nas câmaras municipais e que os gastos serão mantidos, pois são regulados através de lei federal.
LOC- O STF pretende estipular um número de vereadores para cada município. Cidades com 60 mil habitantes e que têm até 21 vereadores terão apenas dez. Para BISMARCK MAIA, quem perde com isso é a população, que vê diminuída a representação popular.
LOC- MAURO BENEVIDES, do PMDB do Ceará, pediu que seja analisada com urgência a proposta de emenda à constituição do deputado Ivan Ranzolin que fixa o número de vereadores, e tem critérios menos drásticos que os da decisão do Supremo Tribunal Federal.
LOC- MAURO BENEVIDES lembra que a matéria deve ser aprovada na Câmara até o dia 30 de abril, para que haja tempo de ser apreciada no Senado e aplicada nas eleições deste ano.
LOC- B.SÁ, do PPS do Piauí, alertou os Tribunais Regionais Eleitorais sobre o grande número de transferências de títulos de eleitores, que sempre ocorrem no período próximo às eleições municipais.
LOC- O problema ocorre principalmente no nordeste, e são constatados absurdos como existirem municípios onde o número de eleitores é superior ao de habitantes, destacou B.SÁ. Ele pede medidas para evitar esse tipo de abuso do poder financeiro.
TEC- VINHETA/SEGURANÇA PÚBLICA...
LOC- Guerra de traficantes no Rio de Janeiro preocupa parlamentares
LOC- RODRIGO MAIA, do PFL, cobrou do governo federal que assuma sua responsabilidade para solucionar a crise na segurança pública do estado do Rio de Janeiro, provocada pela ação do narcotráfico.
LOC- Ele acha insuficiente os nove milhões de reais que o ministro da Justiça prometeu liberar, lembrando que o problema atinge toda a nação.
LOC- RODRIGO MAIA acusou o governo de omissão, devido aos baixos investimentos feitos na área da segurança, que não permitem aos órgãos policiais o controle da situação, e advertiu que, se não houver mudanças, o país chegará a um ponto crítico.
LOC- CORONEL ALVES, do PL do Amapá, lamentou as guerras entre traficantes que começaram durante o feriado de Páscoa na cidade do Rio de Janeiro.
LOC- CORONEL ALVES afirma que a ação dos criminosos desafia o Estado democrático e a legalidade, e que os órgãos de segurança têm que garantir a defesa da sociedade e impedir que mais famílias sofram por causa das chamadas balas perdidas.
TEC- VINHETA/EFEITO..... (continuação)
LOC- LINDBERG FARIAS, do PT, defendeu o envio das Forças Armadas ao Rio de Janeiro, bem como a intervenção federal na segurança da capital.
LOC- Para LINDBERG FARIAS, o Secretário de Segurança Anthony Garotinho perdeu a autoridade, e a população se encontra refém do crime organizado.
LOC- JOSIAS QUINTAL, do PMDB, entretanto, lembrou que o uso das Forças Armadas não resolveu o problema da violência no Rio de Janeiro em outras oportunidades.
LOC- JOSIAS QUINTAL criticou ainda declarações do secretário Nilmário Miranda de que a questão do Rio seria a corrupção na polícia.
LOC- Também CARLOS NADER, do PFL, lamentou o pânico vivido pela sociedade do Rio de Janeiro com o aumento da ousadia dos traficantes.
LOC- CARLOS NADER reivindicou ainda um maior controle sobre o ingresso ilegal de armas no país como forma de coibir o poder dos bandidos.
LOC- SIMÃO SESSIM, do PP, por sua vez, garantiu que a cidade do Rio de Janeiro já vive um clima de guerra civil desde o início do confronto de grupos rivais de traficantes na última sexta-feira.
LOC- SIMÃO SESSIM solicitou que os governos federal e estadual unam forças para enfrentar os criminosos.
LOC- A JUÍZA DENISE FROSSARD, do PSDB, reclamou que os governos estão mais empenhados em investir no marketing de suas administrações do que em buscar soluções para o problema da violência no Rio.
LOC- Factóides do governo estadual e promessas do governo federal, disse DENISE FROSSARD, não resolverão a falta de políticas públicas e de prevenção no estado.
TEC- VINHETA/PASSAGEM...
LOC- Chuvas deixam prejuízos no nordeste
LOC- EDSON DUARTE, do PV baiano, exigiu maior compreensão do governo federal com o município de Juazeiro, que se encontra em estado de emergência por causa das chuvas. Além disso, o Fundo de Participação dos Municípios não tem sido repassado à cidade.
LOC- EDSON DUARTE lembrou que o presidente Lula esteve em Juazeiro e prometeu ajuda, mas os recursos do FPM continuam sendo retidos pelo Tesouro e impedindo a realização das obras de recuperação do município.
LOC- CARLOS DUNGA, do PTB, ressaltou que as chuvas de janeiro deixaram as estradas da Paraíba em péssimo estado. Algumas encontram-se intransitáveis, o que vem causando enormes prejuízos à economia local.
LOC- Depois das chuvas, a seca já dura 74 dias e tem provocado a perda da produção agrícola paraibana. CARLOS DUNGA espera que os bancos oficiais compreendam a situação dos agricultores que perderam tudo acumulando somente as dívidas.
TEC- VINHETA/EFEITO...
LOC- ASDRÚBAL BENTES, do PMDB, tem confiança que o Supremo Tribunal Federal vai reconhecer que a região da Serra do Cachimbo pertence ao território do estado do Pará.
LOC- O Mato Grosso entrou com uma ação reivindicando a propriedade. Mas o parlamentar frisa que o território pertence ao Pará desde o ano de 1900 e que o estado já investiu naquela área.
LOC- ASDRÚBAL BENTES ressalta ainda que a questão não é apenas fundiária, mas envolve mineração, agricultura e biodiversidade, pois a região possui as terras mais férteis, o subsolo mais rico e a vegetação mais exuberante do estado.
LOC- ZEQUINHA MARINHO, do PSC, manifestou preocupação com a determinação do governador mato-grossense de questionar no Supremo Tribunal Federal onde deveria estar a linha que divide os estados do Pará e Mato Grosso.
LOC- ZEQUINHA MARINHO pediu aos governadores dos dois estados que busquem o entendimento. Ele disse que o STF não conhece as raízes históricas do problema e pode tomar uma decisão equivocada, trazendo ainda mais problemas para os paraenses.
LOC- GERVÁSIO OLIVEIRA, do PDT, registrou carta de um militante do PMDB do Amapá que lamenta a defesa feita pelo senador Pedro Simon do ex-governador João Capiberibe.
LOC- O militante, de acordo com GERVÁSIO OLIVEIRA, lembra que o ex-governador gastou milhões de reais na publicidade do plano de desenvolvimento sustentável do estado, que resultou em fracasso.
LOC- ALEXANDRE SANTOS, do PP, parabenizou o Município de Rio das Ostras e o prefeito Sabino dos Santos, pelos 12 anos de emancipação política. A cidade se destaca na área de turismo e é considerada a que mais cresce no Estado do Rio de Janeiro.
LOC- PEDRO FERNANDES, do PTB do Maranhão, registrou a realização, entre os dias 5 e 9 de abril, da Segunda etapa do Campeonato de Surf na Pororoca, que aconteceu na cidade de Arari.
LOC- ROBÉRIO NUNES do PFL, registrou pesar pelo falecimento de Dona Ana de Jordão, ocorrido no dia cinco de abril em Macaúbas, na Bahia. Ela era reconhecida pelos atos de caridade e generosidade.
LOC- ROBÉRIO NUNES também parabenizou o prefeito de Ipupiara que recebeu a comitiva do governador Paulo Souto no dia três de abril, quando foram assinados vários convênios entre os governos estadual e municipal.
TEC- VINHETA/AGRICULTURA...
LOC- Missão da União Européia inspeciona rebanhos brasileiros
LOC- NILTON CAPIXABA, do PTB, registrou reunião no ministério da agricultura, no início do mês, para discutir a inclusão de Rondônia na visita da missão da União Européia que vai checar as condições da agropecuária brasileira.
LOC- O deputado criticou os frigoríficos que tentam influenciar quais estados deverão ser visitados pelos europeus, e pediu ao Ministério de Relações Exteriores que divulgue a boa qualidade da carne rondoniense e seu potencial exportador.
LOC- NILTON CAPIXABA lembrou que Rondônia possui 10 milhões de cabeças de gado, com 99,9 por cento do rebanho vacinado, o que coloca o estado como área livre de febre aftosa.
LOC- HAMILTON CASARA, do PSB, solicitou a inclusão de Rondônia e Tocantins na lista dos estados a serem visitados pela comissão da União Européia, que vai analisar as condições sanitárias da pecuária nacional.
LOC- HAMILTON CASARA justificou seu pedido explicando que os pecuaristas de Rondônia realizaram um projeto de manejo de pastagens e ações combinando o desenvolvimento com equilíbrio ecológico.
TEC- VINHETA/EFEITO...
LOC- LUÍS CARLOS HEINZE, do PP, registrou documento elaborado por políticos e entidades do setor produtivo sobre a situação dos produtores rurais gaúchos e catarinenses, e pedindo ajuda para os mais de 400 municípios em estado de emergência devido à estiagem.
LOC- HEINZE informou que o ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues, esteve com representantes da indústria de fertilizantes e de defensivos agrícolas para tratar da negociação das dívidas dos produtores.
LOC- Também está sendo buscado, junto ao sistema financeiro, uma forma de contornar os prejuízos trazidos pela seca aos agricultores e pecuaristas.
LOC- O presidente da Comissão de Agricultura, LEONARDO VILELA, do PP de Goiás, alerta que, apesar das grandes contribuições da agropecuária e da agroindústria à economia brasileira, o setor enfrenta dificuldades.
TEC- SONORA (31”) – Leonardo Vilela: “O setor de soja, que é o que está melhor, que tem a maior margem de lucro, melhor rentabilidade, não reflete todo o setor. Os produtores de leite têm dificuldades, os produtores de café idem, os produtores de frango e de suínos enfrentam uma crise sem precedentes. Portanto, esse setor começa a sentir na pele os problemas da estagnação econômica, os problemas da falta de crédito, dos juros altos, da falta de infra-estrutura, e isso nos preocupa sobremaneira.”
LOC- LEONARDO VILELA alerta que se a agricultura for asfixiada, o país vai entrar em uma recessão profunda, e com graves prejuízos sociais.
TEC- VINHETA/PASSAGEM...
LOC- Deputado quer reformulação da reforma agrária
LOC- CONFÚCIO MOURA, do PMDB de Rondônia, pediu ao governo para rever sua política de reforma agrária, levando em consideração as novas demandas do país.
LOC- Para o deputado, o atual modelo é um paliativo e não resolve o problema do trabalhador rural por não oferecer infra-estrutura e assistência técnica eficientes, além de causar problemas como a depredação do meio ambiente e as invasões de propriedade.
LOC- CONFÚCIO MOURA afirmou ainda que a atuação do MST compromete o bom desempenho do agronegócio, criando desinteresse no setor agrícola nacional para investir em tecnologia e na aquisição de novas máquinas.
LOC- CHICO RODRIGUES, do PFL de Roraima, cobrou providências do presidente Lula para deter as ações do Movimento dos Sem-Terra, sob pena de perder o controle do governo.
LOC- CHICO RODRIGUES condenou a promessa do líder do MST de infernizar o governo para apressar a reforma agrária. O deputado afirma que o presidente deve mostrar que o país não pode ser dominado por ações criminosas ou marginais.
TEC- VINHETA/VOTAÇÃO.....
LOC- Oposição continua protestando por salário mínimo
LOC- O PFL e o PSDB continuam obstruindo a votação das medidas provisórias que trancam a pauta da Câmara, por não concordarem com a decisão do governo de transferir o anúncio do valor do novo salário mínimo para o mês de maio. Nos últimos anos, o reajuste ocorreu em primeiro de abril.
LOC- O processo de votação está lento porque a oposição está utilizando todos os recursos previstos no Regimento para dificultar a apreciação da pauta.
LOC- O primeiro item de hoje deve ser aprovado em instantes, porque os deputados já iniciaram o processo de votação nominal. É a medida provisória que instituiu gratificação temporária aos servidores das instituições federais de ensino.
LOC- O relator da matéria, deputado CARLOS ABICALIL, do PT mato-grossense, aprovou três das quatro emendas oferecidas pelo Senado.
LOC- Outras seis medidas provisórias constam da Ordem do Dia, entre elas a que regulamenta a emenda constitucional que reformou a Previdência Social.
TEC- VINHETA/ENCERRAMENTO.....

Programa do Poder Legislativo com informações sobre as ações desenvolvidas na Câmara Federal e opiniões dos parlamentares

De segunda a sexta, das 19h às 20h

facebook twitter spotify podcasts apple rss

Todas as Edições