Rádio Câmara

Samba da Minha Terra

Teatro e a biografia dos sambistas

Teatro e a biografia dos sambistas

31/12/2023 - 12h00

  • Teatro e a biografia dos sambistas - versão em bloco único (Reprise)

  • Teatro e a biografia dos sambistas - Bloco 1 (Reprise)

  • Teatro e a biografia dos sambistas - Bloco 2 (Reprise)

O último programa com a parceria de samba e teatro traz biografias de sambistas sob os holofotes do palco e a atenção da plateia. Samba da Minha Terra mostra como o teatro tem retratado a vida de bambas dos naipes de Cartola (“O mundo é um moinho”), Zeca Pagodinho (“Uma história de amor ao samba”), Linda e Dircinha Batista (“Somos irmãs”), Candeia (“É samba na veia”), João Bosco (“Em verso e dança”) e as mulheres pioneiras dos batuques cariocas (“Matriarcas do samba”). O quadro “papo de samba” destaca a peça teatral “Vivendo de brisa”, inspirada nas trajetórias de Geraldo Pereira e Wilson Batista. Também tem espaço para o teatro a céu aberto no universo das escolas de samba e do carnaval. O teatrólogo André Amahro ilustra o programa com múltiplas visões da arte teatral. Foto: atores da peça “Vivendo de brisa” (VMFotografia)

MÚSICAS

Chão de estrelas (Orestes Barbosa e Sílvio Caldas), com Zeca Pagodinho e Maria Bethânia
O mundo é um moinho (Cartola), idem
Corra e olhe o céu (Cartola), idem
Partido da orgia (Fernando Marques), idem (peça “Vivendo de brisa”)
Gafieira agora (Fernando Marques), idem (peça “Vivendo de brisa”)
Saudade de Clementina (Vera de Jesus), no espetáculo “Matriarcas do samba”
Ópera do morro (Moreira da Silva, Bezerra da Silva e Dicró), idem
Luzes da ribalta (Luiz Quirino de Freitas), com Cleverson Cabral/GRES Esplendor do Morro 1982 (São João Nepomuceno-MG)
As mágicas luzes da ribalta (Gilson Dr. e Mazinho), com Beija-Flor 1987
Teatro Amazonas: Manaus em cena (Alemão do Pandeiro, Claude Ribeiro, Ricardo Gutierrez, Tchello Lima, Anderson Salgadinho, Kevyn Rodrigues e Wally Santos), com Unidos de Vila Maria 2011 (São Paulo)
Abram as cortinas da folia: o teatro hoje é tema na passarela da alegria (Mamau Castro e Leandrinho LV), com Academia de Samba Puro 2019 (Porto Alegre)
Vingança (Lupicínio Rodrigues), com Linda Batista
Samba da antiga (Candeia), idem
Linha de passe (João Bosco, Aldir Blanc e Paulo Emílio), com João Bosco
Deixa a vida me levar (Eri do Cais e Serginho Meriti), com Zeca Pagodinho

TRECHOS
O mundo é um moinho (Cartola), trecho da pela “Cartola, o mundo é um moinho”)
Escurinha (Geraldo Pereira), idem
Lenço no pescoço (Wilson Batista), com Sílvio Caldas
Um espetáculo pelos palcos da cidade (Fagner Presidente, Chico Professor, Fred Feijó, Maninho Veiga e Marcele Cassalha), com Imperadores do Samba 2022 (Porto Alegre)

Sonoplastia - Tony Ribeiro
Apresentação e pesquisa - José Carlos Oliveira

Acompanhe a riqueza poética e melódica do ritmo mais popular do Brasil. Quadros especiais destacam as letras mais requintadas, inovadoras ou significativas, as entrevistas históricas e os espaços dedicados ao samba em todo o país.

Domingo, às 12h, e quinta, à 0h

TODAS AS EDIÇÕES