Rádio Câmara

Samba da Minha Terra

O samba no Grammy Latino

O samba no Grammy Latino

03/12/2023 - 12h00

  • O samba no Grammy Latino - versão em bloco único

  • O samba no Grammy Latino - Bloco 1

  • O samba no Grammy Latino - Bloco 2

Martinho da Vila acaba de faturar o Grammy Latino de melhor álbum de samba, batizado de “Negra Ópera”. Samba da Minha Terra aproveita o gancho para relembrar a história do ritmo nessa premiação, que rola desde o ano 2000. Em pouco mais de 20 anos de história, Martinho e Zeca Pagodinho lideram a premiação, cada um com quatro conquistas. O programa também destaca as sambistas com álbuns premiados, como Beth Carvalho, Maria Rita, Marisa Monte e Mart’nália. Variadas gerações do samba – Paulinho da Viola, Família Caymmi, Fundo de Quintal e Diogo Nogueira – estão em destaque na história do samba no Grammy Latino.

MÚSICAS

Negra Ópera/Zumbi dos Palmares (Martinho da Vila), idem
Timbó (Ramon Russo), com Martinho da Vila e Will Kevin
Heróis da liberdade (Silas de Oliveira, Mano Décio e Manoel Ferreira), com Martinho da Vila
Vendedor de caranguejo (Gordurinha), com Gilberto Gil
Vida da minha vida (Moacyr Luz e Sereno), com Zeca Pagodinho
Água da minha sede (Dudu Nobre e Roque Ferreira), com Zeca Pagodinho
Verdade (Nelson Rufino e Carlinhos Santana), com Zeca Pagodinho
Deixa a vida me levar (Eri do Cais e Serginho Meriti), com Zeca Pagodinho
Quatro paredes (Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Cézar Mendes), com Marisa Monte
Vem cá, vem cá (Mart’nália, Zé Catimba e André da Mata), com Mart’nália
Corpitcho (Ronaldo Barcellos), com Maria Rita
Nosso samba tá na rua (Alamir, Canário, Nilo Penetra e Roberto Lopes), com Beth Carvalho
A vizinha do lado e Eu cheguei lá (Dorival Caymmi), com Nana, Dori e Danilo Caymmi
Só felicidade (André Renato e Sereno), com grupo Fundo de Quintal
Tô fazendo a minha parte (Flavinho Silva), com Diogo Nogueira
Timoneiro (Paulinho da Viola e Hermínio Bello de Carvalho), com Paulinho da Viola
Coração leviano (Paulinho da Viola), idem
Eu canto samba (Paulinho da Viola), idem

TRECHOS
Nel blu dipinto di blu (Volare) (Domenico Modugno e Francesci Migliacci), com Domenico Modugno
Vai vadiar (Monarco e Ratinho), com Zeca Pagodinho

Sonoplastia - Tony Ribeiro
Apresentação e pesquisa - José Carlos Oliveira

Acompanhe a riqueza poética e melódica do ritmo mais popular do Brasil. Quadros especiais destacam as letras mais requintadas, inovadoras ou significativas, as entrevistas históricas e os espaços dedicados ao samba em todo o país.

Domingo, às 12h, e quinta, à 0h

TODAS AS EDIÇÕES