Rádio Câmara

Samba da Minha Terra

Quilombos de cultura e consciência negra

Quilombos de cultura e consciência negra

19/11/2023 - 12h00

  • Quilombos de cultura e consciência negra - versão em bloco único

  • Quilombos de cultura e consciência negra - Bloco 1

  • Quilombos de cultura e consciência negra - Bloco 2

Samba da Minha Terra celebra o Dia da Consciência Negra com visitas aos quilombos culturais e pontos de memória espalhados de norte a sul do Brasil. Para representá-los, o quadro “Terreiro de bambas” entrevista o líder do Centro Cultural Mestre Amaral, ícone da preservação do tambor de crioula no centro histórico de São Luís do Maranhão; Naíla Cazuza, que divulga as atividades da Associação Satélite Prontidão, entidade centenária na defesa da negritude de Porto Alegre e que acaba ser oficialmente reconhecida como “ponto de memória” pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM); e Mestre Goyano, que comanda o Batucagê na Serrinha, com muito samba de roda, afoxé e capoeira de Angola em plena capital de Goiás. Sambas de reverência aos quilombos de ontem e de hoje ilustram o programa. Foto: Freepik

MÚSICAS

Quilombo dos Palmares (Anescar Rodrigues e Noel Rosa de Oliveira), com Velha Guarda do Salgueiro
Quilombo dos Palmares (Pedro Amorim e Paulo César Pinheiro), com Pedro Amorim
A epopeia de Zumbi (Nei Lopes e Wilson Moreira), com Nei Lopes
Identidade (Jorge Aragão), idem
Tambor de Crioula (domínio público), com Mestre Amaral
Eu vou levantar bandeira (domínio público), com Mestre Amaral
Eu vou levantar bandeira (domínio público), com Tambor de Criou de Seu Teodoro
Tambor de Crioula (Cleto Júnior e Oberdan Oliveira), com Alcione
A carne (Seu Jorge, Marcelo Yuka e Ulisses Cappelette), com Elza Soares
Ao povo em forma de arte (Nei Lopes e Wilson Moreira), com Roberto Ribeiro
O quilombo do futuro (André Ricardo, Dema, Edegar Cirillo, Gui Cruz, KZ, Marcelo Casa Nossa, Rodolfo Minuetto e Rodrigo Minuetto), com Grazzy Brasil e Vai-Vai 2019
Vem amor (Nilo Feijó), com Pâmela Amaro e Vladimir Rodrigues
O samba e suas origens (Bedeu, Leleco Telles e Alexandre), com Bedeu
Guerreiro (Bedeu, Leleco Telles e Bebeto), com Grupo Senzala
Linda natureza (Bedeu e Julinho Trindade), com Bedeu
Lutar é preciso (Caj Carlão), com Olodum

Sonoplastia - Milton Santos
Apresentação e pesquisa - José Carlos Oliveira

Acompanhe a riqueza poética e melódica do ritmo mais popular do Brasil. Quadros especiais destacam as letras mais requintadas, inovadoras ou significativas, as entrevistas históricas e os espaços dedicados ao samba em todo o país.

Domingo, às 12h, e quinta, à 0h

TODAS AS EDIÇÕES