Cidades e transportes

Comissão aprova projeto que anula portaria da ANTT sobre fiscalização de transporte clandestino

29/12/2022 - 09:47  

Vinicius Loures/ Câmara dos Deputados
Deputado Rodrigo Coelho fala ao microfone
O relator Rodrigo Coelho recomendou a aprovação da proposta

A Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 69/22, que suspende portaria da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) relativa à padronização de procedimentos para a fiscalização do transporte clandestino de passageiros em todo o País.

O relator, deputado Rodrigo Coelho (Pode-SC), recomendou a aprovação do texto. “São flagrantes as ilegalidades observadas no ato normativo daquela autarquia, que assim exorbitou o seu poder regulamentar”, afirmou o relator.

A Portaria 27/22 ampliou o conceito de transporte clandestino de passageiros. Para o deputado Márcio Labre (PL-RJ), autor da proposta aprovada, isso se deu em desacordo com a Súmula 11/21, norma da ANTT hierarquicamente superior.

A súmula define transporte clandestino de passageiros como aquele realizado por pessoa física ou jurídica, sem autorização lavrada pela ANTT. Já a portaria, ainda segundo o deputado, elenca um conjunto de situações passíveis de atuação da fiscalização, e para cada caso determina as medidas cabíveis.

“É certo que a portaria exorbita seu poder regulamentar, infringe normas superiores e traz consigo a potencialidade de prejudicar todo o setor de transporte coletivo rodoviário de passageiros com interpretações indevidas daquilo que está previsto na legislação vigente”, sustentou Márcio Labre.

Tramitação
O projeto ainda será analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania. Em seguida, o texto será votado pelo Plenário da Câmara.

Reportagem – Ralph Machado
Edição – Natalia Doederlein

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PDL 69/2022

Íntegra da proposta