Saúde

Comissão aprova projeto que prevê coleta domiciliar de exame em caso de dificuldade de locomoção

Proposta altera a Lei Orgânica da Saúde

05/11/2021 - 18:13  

Gustavo Sales/Câmara dos Deputados
Audiência Pública - Criação do Real Digital. Audiência Pública - Profissionais da Fisioterapia e da Terapia Ocupacional. Dep. Alexandre PadilhaPT - SP
Deputado Alexandre Padilha, relator do projeto de lei

A Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados aprovou proposta que assegura a coleta domiciliar de exames quando o paciente tiver dificuldade de locomoção, na forma de regulamento. O texto insere o dispositivo na Lei Orgânica da Saúde.

Foi aprovado o substitutivo do relator, deputado Alexandre Padilha (PT-SP), ao Projeto de Lei 4865/20, do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP). A versão original determinava a coleta do material de exames no domicílio de paciente idoso ou com deficiência. A regra valeria também para crianças de baixa renda.

“O projeto estabelecia hipóteses de coleta domiciliar de forma muito ampla, o que inviabilizaria economicamente a ideia, já que dezenas de milhões de brasileiros se enquadrariam naqueles critérios”, comentou Padilha. “O substitutivo mantém a intenção do autor, porém adapta a redação para uma medida mais justa e viável.”

Tramitação
O projeto tramita em caráter conclusivo e ainda será analisado pelas comissões de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência; de Seguridade Social e Família; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Saiba mais sobre a tramitação de projetos de lei

Reportagem – Ralph Machado
Edição – Roberto Seabra

  • Áudio da matéria

    Ouça esta matéria na Rádio Câmara

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta