Saúde

Câmara retoma debates sobre prevenção do suicídio

Evento terá transmissão ao vivo no YouTube

16/09/2020 - 10:16  

TV CÂMARA
SAÚDE MENTAL
Especialistas alertam para a necessidade de aumentar cuidados com a saúde mental durante a pandemia

A Frente Parlamentar de Combate ao Suicídio e Automutilação no Brasil dará continuidade nesta tarde ao 2º Simpósio Nacional Virtual de Prevenção ao Suicídio e Automutilação. A primeira parte do evento, realizada na quinta-feira passada (10), parlamentares alertaram para falta de ambulatórios especializados na prevenção do suicídio.

Segundo a Organização Pan-Americana da Saúde/Brasil (escritório regional da Organização Mundial da Saúde), cerca de 800 mil pessoas se suicidam todos os anos, a maior parte (79%) em países de baixa e média renda. A OPAS alerta ainda que o suicídio é a segunda principal causa de morte entre jovens de 15 a 29 anos.

No mês de setembro, prédios públicos do mundo inteiro, como o Congresso Nacional brasileiro, iluminam-se de amarelo em prol da campanha de prevenção do suicídio.

Convidados
Foram convidados para o debate virtual de hoje:

  • o juiz de Direito do município de Patrocínio (MG) Serlon Silva Santos;
  • o ex-técnico das seleções brasileiras masculina e feminina de vôlei Bernardinho;
  • o escritor e pesquisador Davi Lago;
  • a secretária nacional da Juventude, Emily Silva;
  • o pastor da Igreja Batista da Lagoinha Lucinho Barreto;
  • a coordenadora e responsável técnica do Instituto Vita Alere de Prevenção e Posvenção do Suicídio, Karen Scavacini;
  • a consultora nacional de Saúde Mental na OPAS/OMS, Catarina Magalhães Dahal;
  • as colaboradoras do aplicativo Mind Joint Gilmara Bueno e Elisa Mello; e
  • a coordenadora regional da Associação pela Saúde Emocional das Crianças (ASEC), Juliana Fleury.

A Frente Parlamentar de Prevenção do Suicídio e Automutilação tem 209 integrantes e é presidida pelo deputado Lucas Gonzalez (Novo-MG).

A segunda parte do simpósio será realizada a partir das 13 horas e será transmitida pelo canal da Câmara dos Deputados no YouTube.

Da Redação – MO

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.