Meio ambiente e energia

Proposta amplia controle sobre resíduos perigosos oriundos do exterior

18/11/2019 - 15:17  

O Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 696/19 aprova a “Emenda de Banimento à Convenção de Basileia sobre o Controle de Movimentos Transfronteiriços de Resíduos Perigosos e seu Depósito”. Esse dispositivo foi adotado em 1995 durante Conferência das Partes promovida pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
Para Bruna Furlan, emenda atende ao interesse nacional

A Convenção de Basileia, ratificada pelo Brasil, surgiu em 1989 como reação à descoberta de grandes depósitos de resíduos tóxicos na África e em outras partes do mundo, os quais eram originários de países desenvolvidos cujas legislações ambientais haviam se tornado mais rigorosas durante as décadas de 70 e 80.

A Emenda de Banimento amplia os controles ao vedar a exportação de resíduos de países desenvolvidos para aqueles em desenvolvimento, quer para depósito ou reaproveitamento, desde que, no último caso, o material seja perigoso. Não está em vigor, pois não ainda foi ratificada pelo número necessário de nações.

A proposta em tramitação na Câmara dos Deputados foi encaminhada pelo Poder Executivo ao Congresso Nacional em 2016. O texto foi aprovado pela Comissão de Relações Exteriores e de Defesa Nacional em 12 de novembro. A relatora, deputada Bruna Furlan (PSDB-SP), recomendou a aprovação.

“A emenda atende ao interesse nacional, integra-se aos esforços de preservação da saúde humana e do meio ambiente, bem como de gerenciamento sustentável dos recursos naturais, por meio do banimento do comércio internacional de resíduos perigosos para países em desenvolvimento, e estimula a ratificação do texto por outras partes da Convenção de Basileia”, disse Bruna Furlan.

Tramitação
A proposta será analisada pelas comissões de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; e de Constituição e Justiça e de Cidadania. Depois seguirá para o Plenário.

 

Conheça a tramitação de projetos de decreto legislativo

Reportagem – Ralph Machado
Edição – Wilson Silveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PDL 696/2019

Íntegra da proposta