Direitos Humanos

Comissão discute impacto da educação na qualidade de vida do idoso

11/09/2019 - 10:47  

O impacto da educação na qualidade de vida da pessoa idosa será discutido hoje pela Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa da Câmara dos Deputados.

Divulgação/Agência de Notícias do Paraná
No Brasil, em 2011 havia 23,5 milhões de pessoas idosas

"Projeções do Fundo de Populações das Nações Unidas indicam que uma em cada nove pessoas no mundo possui 60 anos ou mais e estima-se um crescimento para uma em cada cinco, por volta de 2050", afirma a presidente da comissão, deputada Lídice da Mata (PSB-BA), que pediu a realização do debate.

Este envelhecimento veloz da população, no mundo e no Brasil, explica a deputada, se deve ao crescimento populacional mais baixo e à ampliação da expectativa de vida. "Não por acaso, desenvolvem-se hoje, em toda parte, diversos estudos sobre os fatores que influenciam na qualidade de vida dos idosos, com destaque para os programas culturais e da chamada educação permanente ou educação para a vida inteira."

Foram convidados para discutir o assunto, entre outros:
- o professor da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul e Membro do Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre o Envelhecimento da UFRGS, Johannes Doll; e
- a presidente do Fórum de Pró-Reitores de Extensão das Instituições Públicas de Educação Superior Brasileiras (Forproex), Adriana Marmori.

Confira a lista completa de convidados

O debate será realizado no plenário 12 a partir das 14 horas.

O evento será transmitido ao vivo pela internet. Os interessados poderão participar enviando perguntas e sugestões aos convidados. Clique aqui e participe.

Da Redação - ND

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.