Educação, cultura e esportes

Proposta prevê premiação igual para homens e mulheres em eventos esportivos

02/08/2019 - 12:55  

Divulgação/Prefeitura de Salvador
Fotos Institucionais
Segundo a autora do projeto, desigualdade de gênero prejudicou a carreira de muitas atletas

O Projeto de Lei 3637/19 proíbe a distinção de valores dos prêmios pagos a atletas homens e mulheres se efetuados com dinheiro público ou quando for pago por entidades que se beneficiem desses recursos. O texto, já aprovado pelo Senado, altera a Lei Pelé.

A proposta está em tramitação na Câmara dos Deputados. “Isso é efetivamente adotar práticas de igualdade”, afirmou a autora, senadora Rose de Freitas (Pode-ES). Para ela, o texto mudará a desigualdade de gênero que marcou a vida de muitas atletas do País.

Tramitação

A proposta tramita em caráter conclusivo e será analisada pelas comissões de Defesa dos Direitos da Mulher; do Esporte; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Ralph Machado
Edição – Wilson Silveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PL 3637/2019

Íntegra da proposta