Meio ambiente e energia

Frente Ambientalista comemora ratificação de acordo para reduzir uso de mercúrio

28/08/2017 - 12:36  

A Frente Parlamentar Ambientalista promove um café da manhã nesta quarta-feira (30) para comemorar a ratificação da Convenção de Minamata sobre Mercúrio.

O acordo, aprovado em julho pela Câmara dos Deputados, é um tratado global para proteger a saúde humana e o meio ambiente dos efeitos adversos do mercúrio.

O nome da convenção faz homenagem às vítimas de tragédia por envenenamento por mercúrio ocorrida na cidade japonesa de Minamata, onde uma empresa química lançava no mar dejetos com a substância desde 1930. Devido ao efeito cumulativo na cadeia alimentar, o despejo provocou intoxicação em quase 3 mil pessoas apenas a partir da década de 1950, principalmente em famílias de pescadores.

O mercúrio é um elemento químico que, na forma líquida, evapora facilmente, sendo liberado no ar, na água e no solo por processos naturais e ação do ser humano. É considerado uma das substâncias mais perigosas para a saúde e o meio ambiente. A exposição a níveis elevados pode provocar efeitos graves, como danos neurológicos, cardiológicos, pulmonares, renais e imunológicos.

Os principais pontos da convenção incluem a proibição de novas minas de mercúrio, a eliminação progressiva das já existentes, medidas de controle sobre as emissões atmosféricas e a regulamentação internacional sobre o setor informal para mineração artesanal e de ouro em pequena escala.

O tratado entrará oficialmente em vigor no Brasil até o fim do ano.

Foram convidados para participar do encontro:
- o coordenador da Frente Parlamentar Ambientalista, deputado Alessandro Molon (Rede-RJ);
- o ministro do Meio Ambiente, Sarney Filho;
- o líder do Partido Verde, deputada Leandre (PR);
- o presidente da Comissão Mista de Mudanças Climáticas, senador Jorge Viana (PT-AC);
- o presidente da Comissão de Meio Ambiente, deputado Nilto Tatto (PT-SP); e
- um representante do Ministério das Relações Exteriores.

O evento será realizado no auditório Freitas Nobre, a partir das 8h30.

Da Redação - ND

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: MSC 355/2014

Íntegra da proposta