Cidades e transportes

Atuação da Aneel também é alvo de críticas

04/04/2013 - 16:35  

Os deputados também reclamaram da atuação da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) em tomar medidas mais drásticas, como o cancelamento da concessão. Segundo eles, as multas aplicadas não resolvem a questão. “Uma concessão dessas tem de ser suspensa, não queremos uma agência que seja fábrica de multa, mas que tenha mecanismos para condicionar o fornecimento de energia”, reclamou o deputado Luís Sérgio (PT-RJ).

A Aneel já aplicou multas de R$ 45 milhões à empresa desde 2007. A empresa fica em primeiro lugar com 41% das reclamações da Aneel para cada dez mil consumidores. Vários transformadores estão próximos da sobrecarga, de acordo com fiscalizações da agência.

A distribuidora fornece energia para 3% das unidades consumidoras e 10% das reclamações, segundo a Aneel. Segundo o superintendente de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade da agência, José Moisés Machado da Silva, a fiscalização aos serviços da Ampla deve ser ampliada para prevenir mais problemas.

De acordo com o site da distribuidora, a Ampla atende cerca de 2,7 milhões de clientes residenciais, comerciais e industriais em 66 municípios do Rio de Janeiro, que representam 73% do território do estado.

Reportagem - Tiago Miranda
Edição – Rachel Librelon

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.