Segurança

Governo negociará com dez carreiras no início de 2013, diz Planejamento

08/11/2012 - 12:38  

Leonardo Prado
Sérgio Mendonça (secretário de Relações de Trabalho no Serviço Público do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão)
Mendonça: uma reestruturação desse porte na PF precisa do convencimento de diversas áreas do governo.

O secretário de Relações de Trabalho no Serviço Público do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, disse que neste ano não foram concluídos acordos somente com os agentes da Polícia Federal, mas com dez carreiras do serviço público, como servidores do Incra, do Banco Central e da Receita Federal. Segundo ele, as negociações com todas essas carreiras serão retomadas no início de 2013.

Ele advertiu que a mesa de negociações do Ministério do Planejamento tem também seus limites. "Uma reestruturação desse porte na Polícia Federal, que envolve redefinição de carreiras, precisa do convencimento das diversas áreas do governo, como o Ministério da Justiça e a direção da Polícia Federal", disse.

Mendonça afirmou também que houve problemas no pagamento de muitos grevistas, por isso haverá uma folha suplementar para o pagamento dos 69 dias parados, conforme acordo relativo à reposição das faltas.

O secretário afirmou também que duas prioridades do governo Dilma é a regulamentação do direito de greve e a institucionalização das negociações, para dar mais segurança ao governo e aos servidores. "Ninguém pretende restringir nada", disse.

Mendonça participou da audiência pública da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público sobre a reestruturação das carreiras da Polícia Federal.

Ele afirmou também que, em dez anos, os governos do PT realizaram o mais longo processo de negociação com trabalhadores. Nesse período, foram firmados 105 termos de acordo. Ele afirmou também que, nesse período, houve mais acertos do que erros.

Reportagem – Wilson Silveira
Edição – Marcelo Westphalem

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.