Saúde

Seguridade discute proposta sobre reajuste de honorários médicos

08/12/2009 - 08:05  

A Comissão de Seguridade Social e Família realiza audiência pública hoje para discutir os reajustes de honorários de médicos, odontólogos e outros profissionais por operadoras de planos e seguros de saúde. O debate foi proposto pelos deputados Armando Abílio (PTB-PB), Manato (PDT-ES), Julião Amin (PDT-MA) e Paulo Pereira da Silva (PDT-SP).

Armando Abílio afirma que, na última audiência sobre o assunto, realizada em agosto, os dados apresentados por prestadores de serviços foram insuficientes para analisar o impacto do Projeto de Lei 1220/07, do qual ele é relator. O projeto obriga as operadoras de planos de saúde a respeitar as tabelas elaboradas pelas entidades representativas das categorias.

Já os deputados Julião Amin, Manato e Paulo Pereira da Silva lembram que uma mudança no atual modelo é urgente, pois há cinco anos os médicos não recebem nenhum reajuste nos valores das consultas, o que tem levado muitos deles a desistir de atender por convênios.

Foram convidados para o debate:
- O assessor da diretoria da Unimed do Brasil José Abel Alcanfor Ximenes;
- a presidente da União Nacional das Instituições de Autogestão em Saúde (Unidas), Iolanda Ramos;
- o diretor de Desenvolvimento Setorial da Agência Nacional de Saúde Suplementar, Mauricio Ceschin;
- o Secretário de Saúde Suplementar da Federação Nacional dos Médicos, Marcio Costa Bichara;
- o gerente da Federação Nacional de Saúde Suplementar, Sandro leal Alves;
- o 1º Tesoureiro da Associação Médica Brasileira, Florisval Meinão; e
- o coordenador-geral de Economia da Saúde da Secretaria de Acompanhamento Econômico do Ministério da Fazenda, Leandro Fonseca da Silva;

A reunião está marcada para as 14h30 no plenário 7.

Da Redação/PCS

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta