Política e Administração Pública

Comissão aprova regras para negociar acordos sobre efeito estufa

04/11/2009 - 19:24  

A Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional aprovou na quarta-feira (28) os parâmetros a que o País deverá obedecer nas negociações internacionais para a celebração de atos referentes ao efeito estufa, causa do aquecimento global.

A comissão aprovou o substitutivo do relator, deputado Fernando Gabeira (PV-RJ), ao Projeto de Decreto Legislativo 11/07, do deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PSDB-SP), e às emendas aprovadas pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

O relator afirmou que ambas as propostas traduzem preocupação absolutamente legítima de reforçar o compromisso tanto externo quanto interno de realizar ações que inibam o aquecimento global.

Liderança
Porém, observa o relator, essas questões já fazem parte das leis em vigor no País. "É importante, porém, a fixação de um posicionamento legislativo indicativo de uma tomada de posição, pois lembram ao Poder Executivo, a quem exclusivamente, nos termos da Constituição, cabe conduzir a política externa, as balizas e a linha que deve adotar nessa seara, e a ele recomendam que faça cumprir as leis em vigor e que continue a exercer a liderança, que deve ter, em sede de negociações internacionais", diz Gabeira.

O parlamentar destacou ainda a importância, inserida por emenda da Comissão de Meio Ambiente, de determinar que o Congresso Nacional deve acompanhar e fiscalizar as negociações realizadas pelo Executivo. O deputado explicou que apresentou substitutivo para adequar o texto à sistemática das relações internacionais prevista na Constituição, bem como à técnica legislativa.

Na avaliação de Gabeira, dado que o Brasil já inseriu em seu ordenamento jurídico as normas previstas pela Convenção das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas e pelo Protocolo de Quioto, ambos ratificados pelo País, é necessário que as novas leis as reforcem, sem com elas colidir.

Tramitação
A proposta, sujeita à apreciação do Plenário, já foi aprovada pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Notícias relacionadas:
Temer: projetos sobre clima serão importantes em debate mundial
Câmara aprova criação de fundo contra aquecimento global
Adiada votação de proposta que legaliza áreas desmatadas até 2006
Plenário aprova Política Nacional sobre Mudança do Clima
Ministro diz que pesca na Amazônia pode reduzir desmatamento

Reportagem – Vania Alves
Edição - Newton Araújo

(Reprodução autorizada desde que contenha a assinatura `Agência Câmara`)

Agência Câmara
Tel. (61) 3216.1851/3216.1852
Fax. (61) 3216.1856
E-mail:agencia@camara.gov.br

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Sua opinião sobre: PDC 11/2007

Íntegra da proposta