Saúde

Comissão debate cancelamentos de adesões corporativas pela Amil

21/05/2024 - 08:20  

mreco99/Depositphotos
Saúde - geral - Planos de saúde - convênios - Cartão com estetoscopio

A Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência da Câmara dos Deputados debate, nesta terça-feira (21), denúncias sobre cancelamentos de adesões corporativas pela Amil.

A deputada Erika Kokay (PT-DF), que propôs o debate, explica que, em 30 de abril, a Amil enviou comunicações de cancelamento de planos coletivos por adesão, afetando significativamente diversos clientes que mantêm vínculos corporativos com a Qualicorp, sua operadora de plano de saúde. A empresa teria alegado acúmulo de prejuízos com a parceria.

"A data estipulada para o término dos contratos é 1º de junho de 2024, afetando indiscriminadamente diversos setores que se beneficiam desses planos, como sindicatos, conselhos, associações e outros grupos enquadrados na modalidade de adesão coletiva", explica Erika Kokay. Ela acrescenta que relatos indicam que pacientes em tratamento médico podem ser afetados, o que inclui crianças autistas que dependem dos serviços para tratamento psicológico.

A audiência será interativa, confira a lista de convidados e mande suas perguntas.

O debate será realizado às 16 horas, no plenário 13.

Da Redação – RL

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.