Política e Administração Pública

Projeto prevê preferência a pessoas de baixa renda em leilões de materiais e equipamentos

Governo será responsável por definir critérios de preferência

01/03/2024 - 07:52  

Zeca Ribeiro / Câmara dos Deputados
Sargento Portugal discursa na tribuna do Plenário
Sargento Portugal quer usar leilões como ferramenta de inclusão

O Projeto de Lei 5833/23 garante preferência às pessoas de baixa renda inscritas no Cadastro Único (CadÚnico) na oferta de lances em leilões públicos de materiais e equipamentos da administração pública. A Câmara dos Deputados analisa a proposta, que altera a Lei de Licitações e Contratos Administrativos.

Segundo o texto, essa margem de preferência deverá ser definida em regulamento a ser editado pelo Poder Executivo.

Autor do projeto, o deputado Sargento Portugal (Podemos-RJ) afirma que o combate à pobreza não pode ficar restrito a programas assistenciais. “A criação de programas que estimulem a geração de renda por parte das pessoas em situação de pobreza é fundamental para que elas possam ter suas condições de vida melhoradas”, afirma.

“A proposta busca promover a inclusão social e econômica, reforçando o combate à pobreza e a marginalização e estimulando a participação de pessoas de baixa renda no mercado de trabalho por meio da aquisição de bens vendidos pela administração pública”, conclui o autor.

Tramitação
O projeto será analisado, em caráter conclusivo, pelas comissões de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Reportagem – Murilo Souza
Edição – Rodrigo Bittar

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'.


Íntegra da proposta