CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 219.2019 Hora: 19:12 Fase: OD
Orador: TALÍRIA PETRONE, PSOL-RJ Data: 14/08/2019

 A SRA. TALÍRIA PETRONE (PSOL - RJ. Pela ordem. Sem revisão da oradora.) - Sr. Presidente, no dia de hoje, que é mais um dia 14, em que lembramos com saudade de Marielle Franco e pedimos justiça, para que se saiba quem mandou matar Marielle, eu queria, em sua memória, também lembrar de Henrico, de 19 anos; de Tiago, de 21 anos; de Lucas, de 21 anos; de Gabriel, de 18 anos; de Dyogo, de 16 anos; de Margareth, de 16 anos. Essas pessoas, Sr. Presidente, têm algo em comum: são jovens de favela, de periferia, assassinados nas últimas 80 horas.
Essa é a atual política de segurança pública, sangrenta, instituída no Rio de Janeiro. Só este ano quase 900 pessoas foram mortas por intervenção policial. Mais de 90 policiais foram mortos. É preciso interromper esse ciclo e garantir uma política que garanta a vida, e não entenda alguns territórios, como aqueles marginalizados, como alvos do Estado.