CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 104.1.55.O Hora: 20h0 Fase: OD
  Data: 12/5/2015

O SR. ALFREDO KAEFER (PSDB-PR. Pela ordem. Sem revisão do orador) - Sr. Presidente, eu encaminho pela Minoria, e também na condição de autor da emenda e do destaque.
Há muito tempo a bancada da agricultura e do agronegócio na Câmara tem o pleito de requerer, dentro do BNDES, uma divisão de financiamento agrícola. Seria algo parecido com a carteira de crédito agrícola que o Banco do Brasil tem.
Muitas vezes, o BNDES aplica recursos nessa área da agricultura, mas não tem a rigidez, não tem o compromisso de repassar obrigatoriamente recursos para a maior e melhor atividade econômica deste País.
Precisamos lembrar que o agronegócio, o pequeno, o médio e o grande, e também a agricultura familiar são responsáveis por um terço de todos os empregos, por 30% do PIB e pela grande pauta da exportação nacional. Então, nós estamos querendo que se coloque como obrigatoriedade, dentro dos planos e projetos do BNDES, a condicionante de empregar 20% dos seus recursos na agricultura e no agronegócio.
Vejo vários partidos, por meio de suas Lideranças, encaminharem o voto "não". Eu peço aqui encarecidamente, em benefício do produtor, da agricultura nacional, de milhares de produtores que muitas vezes passam dificuldades e que contribuem com o progresso nacional, que tenham atendido esse seu pleito.
Na verdade, o BNDES deveria trazer ao Congresso Nacional anualmente o seu projeto de definição de metas do ano seguinte. Não o faz. Mas aqui está uma grande oportunidade de ele contribuir e retribuir com a agricultura nacional.
Muito obrigado, Sr. Presidente.


REQUERIMENTO DE DESTAQUE DE VOTAÇÃO EM SEPARADO, EMENDA, BANCO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E SOCIAL (BNDES), OPERAÇÃO, FINANCIAMENTO, PEQUENA EMPRESA, MICROEMPRESA, MPV 663/2014, MEDIDA PROVISÓRIA, ALTERAÇÃO, CRITERIO, AUTORIZAÇÃO, UNIÃO, CONCESSÃO, SUBVENÇÃO ECONÔMICA, MODALIDADE, EQUALIZAÇÃO DE TAXAS DE JUROS, ORIENTAÇÃO DE BANCADA, VOTO FAVORAVEL, MINORIA PARLAMENTAR.
oculta