CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 393.1.55.O Hora: 14:58 Fase: PE
Orador: PR. MARCO FELICIANO Data: 15/12/2015




O SR. PRESIDENTE (Delegado Edson Moreira) - Com a palavra o Deputado Pr. Marco Feliciano.
O SR. PR. MARCO FELICIANO (Bloco/PSC-SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, praticamente no apagar das luzes do ano legislativo, eu venho aqui, como representante do povo brasileiro, parabenizar as famílias que saíram às ruas no último dia 13.
Vimos pessoas saírem às ruas por todo o País com um clamor, num momento praticamente de desespero, pedindo que todas as pessoas pensem no melhor para o nosso País.
As pessoas que foram para as ruas, sejam elas jovens, velhos, crianças, anciões, saíram com esperança, com a esperança renovada.
Eu sei que muitas pessoas não acreditaram no movimento, todavia, eu quero dar aqui a eles os parabéns. Parabéns ao MBL — Movimento Brasil Livre, parabéns aos Revoltados Online, parabéns ao Vem Pra Rua, parabéns às Musas de Direita, parabéns a esses meninos e meninas que pensam na liberdade do nosso País, uma liberdade exercida pela democracia.
Não é golpe, Sr. Presidente. Em 1992, o PT pediu o impeachment de Collor, e não foi golpe. Em 1994, pediu o impeachment de Itamar, e não foi golpe. Em 1999, pediu o impeachment de FHC, e não foi golpe. Em 2015, o impeachment se tornou golpe. Não é golpe!
O Brasil precisa de liberdade. Exerçamos a nossa liberdade com coerência e com carinho. O sábio Salomão escreveu assim: A esperança demorada enfraquece o coração.... Mas não vamos deixar que esse enfraquecimento tome conta de nós. Vamos aqui lutar. Vamos continuar a sonhar.
Em 2013, éramos dois aqui dentro do Parlamento. Em 2015, nós temos uma legião de homens e mulheres que lutam pela liberdade do nosso País.
Chega de sofrimento! Chega de comunismo barato! É hora de vermos o nosso País respirar alegria e respirar ares de esperança. Viva o Brasil! Liberdade já!
Muito obrigado, Sr. Presidente.