CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 393.1.55.O Hora: 14:26 Fase: PE
Orador: GORETE PEREIRA Data: 15/12/2015




O SR. PRESIDENTE (Carlos Manato) - Concedo a palavra à Deputada Gorete Pereira, por 1 minuto.
A SRA. GORETE PEREIRA (Bloco/PR-CE. Sem revisão da oradora.) - Sr. Presidente, como cristã, filha de Juazeiro do Norte e devota de Padre Cícero, gostaria de me reportar a essa reabilitação que ele recebeu depois de 100 anos. Após 9 anos de solicitação a Roma, veio a notícia do perdão e da reconciliação da Igreja Católica com o Padre Cícero.
Solicito a V.Exa. que seja registrado nos Anais da Casa todo o meu discurso que conta a história de uma reabilitação que foi feita, em primeiro lugar, pelo povo do Ceará e pelo povo do Brasil. Anualmente, mais de 2mil pessoas fazem aquela romaria a Juazeiro do Norte.
Agora, teremos uma audiência com o Ministro dos Transportes para falar sobre a romaria de Juazeiro. Durante o evento, ocorre uma verdadeira calamidade em razão da entrada de caminhões paus de arara em Juazeiro, causando um sofrimento enorme à população.
Muito obrigada.

PRONUNCIAMENTO ENCAMINHADO PELA ORADORA

Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, como cristã, devota e filha de Juazeiro do Norte, compartilho com alegria e satisfação a notícia do perdão e da reconciliação da Igreja Católica com Padre Cícero, iniciativa do Vaticano que simboliza que a justiça tardou, mas chegou para os inúmeros romeiros e romeiras nordestinos.
Depois de 9 anos de espera, o Vaticano acatou pedido do Bispo Dom Fernando Panico e perdoou Padim Ciço das punições impostas entre 1892 e 1916, principalmente em razão do episódio da hóstia transformada em sangue na boca de uma beata, que foi considerado farsa, e não milagre.
A Igreja Católica entendeu a dimensão religiosa dos ensinamentos do Padre Cícero, que permanece presente no coração e na lembrança de todos os que cultuam sua memória, o que constatamos nas impressionantes romarias a Juazeiro do Norte, com milhares de devotos vindos de todo o País, numa demonstração de fé e gratidão.
Em 2001, Padre Cícero foi eleito, com total justiça, o Cearense do Século. Possuidor de elevada cultura para seu tempo, falava com fluência sobre literatura, história e política. Líder nato, fazia desses ensinamentos verdadeiros instrumentos para grandes realizações. Missionário de Deus, conquistou-nos por suas mensagens de fée de esperança num mundo mais fraterno e igualitário.
Sr. Presidente, em agosto de 2013, integrei a comitiva da Câmara dos Deputados para participar da cerimônia de boas-vindas ao Papa Francisco, oportunidade em que lhe pedi a reabilitação do Padre Cícero.
Devo reconhecer que a decisão da reconciliação foi um gesto de respeito, carinho e atenção do Papa Francisco com todos os fiéis católicos nordestinos, que consideram Padre Cícero um santo popular, injustiçado por decisões equivocadas da Igreja.
Segundo a carta subscrita pelo Cardeal Pietro Parolin, Secretário de Estado do Vaticano, a mensagem é fruto da vontade do Santo Padre e trata-se de um pedido de perdão da Igreja Católica pelo ocorrido com o Padre Cícero.
Este é um momento histórico para todos nós cearenses e nordestinos e se alinha a minhas ações na Câmara dos Deputados. Hoje terei audiência com o Ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, para tratar exatamente do respeito que o poder público precisa dispensar aos milhares de romeiros que utilizam o pau de arara como transporte.
Juazeiro do Norte está em festa. Hoje à tarde será celebrada missa pelo Padre Monteiro, o pequeno giganteevangelizador do Cariri. Um helicóptero jogará pétalas de rosas no Romeirão. A Vereadora Rita Monteiro, integrante da Comissão Permanente de Romaria, também fará pronunciamento na Câmara Municipal e organizará a programação das comemorações.
Sr. Presidente, finalizo solicitando o registro deste pronunciamento nos Anais da Câmara dos Deputados, com a convicção de que a força e a fé dos devotos do nosso Padim Ciço estão mais consolidadas com esta vitória.
Parabéns ao Papa Francisco pela sensibilidade ao atender o apelo de décadas dos fiéis do Cariri!
Parabéns a Dom Fernando Panico, incansável lutador para que a justiça ao Padre Cícero fosse alcançada.
Parabéns a todos os romeiros e romeiras que permaneceram firmes em sua fé! Agora, com a reconciliação, não hámais empecilhos para que nosso Padre Cícero seja reabilitado, beatificado ou canonizado.
Muito obrigada.