CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 276.1.53.O Hora: 18h40 Fase: BC
  Data: 08/10/2007

Sumário

Inauguração, pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - SENAI, de centro de formação tecnológica no Município de Petrolina, Estado de Pernambuco.




O
SR. FERNANDO COELHO FILHO (Bloco/PSB-PE. Pronuncia o seguinte discurso.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial — SENAI inaugurou, no mês passado, um moderno centro de formação tecnológica na minha querida Petrolina, com capacidade para atender as demandas do Vale do Rio São Francisco. Essa unidade do SENAI faz parte de um forte programa de ampliação e modernização desenvolvido pela entidade, numa contribuição importante para que Pernambuco tenha melhores condições de realizar novos projetos de investimentos em diferentes áreas do Estado.
É fundamental, Sr. Presidente, que haja equilíbrio espacial na distribuição de empreendimentos produtivos no Estado, para que todas as suas regiões possam desenvolver-se de forma harmônica e, com isso, diminuir as enormes desigualdades existentes entre as diversas áreas.
Tenho enfatizado, nesta Casa, o atual momento bastante positivo do Estado de Pernambuco, com a definição de mais investimentos públicos e particulares e com o crescente interesse de empresas na ampliação de suas operações ou na iniciativa de outras atividades. Cabe repetir o clima muito favorável ao entendimento e à parceria entre os Governos Federal e pernambucano, como também entre o Governo Eduardo Campos e as forças produtivas da iniciativa privada, ganhando força uma nova compreensão sobre o valor da responsabilidade social na busca de lucros, como retorno adequado e justo ao capital investido.
A seriedade e a transparência com que o Governo de Pernambuco vem tratando as grandes questões de interesse do Estado facilitam o entendimento e as negociações com os mais diferentes setores da sociedade, na definição de prioridades para as ações governamentais. Sem dúvida alguma, é um novo modelo de gestão pública para Pernambuco, porque suas decisões são tomadas após legítimos processos de avaliação e conclusão das melhores alternativas para o conjunto da população.
Não há mais lugar, no planejamento estratégico de um Estado ou de uma região, nem para a concentração e a intervenção estatal nem para o excessivo protecionismo ao mercado, que precisa ser devidamente regulado para atender aos princípios do compromisso social a ser cumprido pelas empresas.
A inauguração da nova Escola Técnica do SENAI em Petrolina faz parte desse movimento de parceria, caracterizando a visão moderna de desenvolvimento que ora predomina em Pernambuco.
Serão cerca de 6 mil alunos a receber formação profissional por ano, a maioria constituída por jovens do Vale do São Francisco, o que irá garantir extraordinário avanço na capacitação de mão-de-obra, com imensos benefícios econômicos e sociais. A escolha dos cursos oferecidos pelo SENAI tem tudo a ver com as potencialidades e a vocação da região, uma vez que eles estão voltados preferencialmente para áreas vinculadas à agroindústria, como as de alimentos, automação industrial, eletrônica e eletromecânica.
Destaco ainda, Sr. Presidente, que os cursos de tecnologia de alimentos, direcionados especialmente para a vitivinicultura e a fruticultura, contarão com laboratórios modernos e habilitados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária para fornecer certificados oficiais de qualidade, com reconhecimento internacional. Vejam, Sras. e Srs.Deputados, o quanto isso vai significar em termos de garantia para o aumento de produtividade e de competitividade a setores vitais para o Vale do São Francisco, os quais hoje são responsáveis por cerca de 250 mil empregos diretos.
Precisamos incentivar e fortalecer cada vez mais os pequenos agricultores, inclusive aprofundando entre eles o espírito de cooperativismo, para que tenham reais condições de participar dos benefícios proporcionados pela agroindústria. De fato, o processamento industrial, de frutas, carnes e outros itens do setor, acrescenta valor a sua produção e eleva sobremaneira os rendimentos das atividades agrícolas e pecuárias, reduzindo as perdas normais durante o tempo de estocagem e comercialização dos produtos in natura.
Registro aqui os meus cumprimentos a todos os que integram o SENAI, à Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco e à Confederação Nacional da Indústria — CNI, na pessoa do seu Presidente, o ilustre pernambucano Deputado Federal Armando Monteiro Neto, por mais essa iniciativa de entregar ao povo de Petrolina e do Vale do São Francisco moderna escola técnica, a exemplo de outras unidades já inauguradas no interior e na região metropolitana do Recife.
Por outro lado, no próximo dia 5 de outubro, o Governo pernambucano anunciará um pacote de cursos de qualificação para mais de 25 mil pessoas em diferentes localidades, com recursos do Estado e também do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), conforme convênio do qual também participam a Agência dos Estados Unidos para o Desenvolvimento Internacional — USAID e o Ministério da Ciência e Tecnologia.
São realizações que, paralelamente a outros investimentos com recursos públicos estaduais e federais e com a aplicação de capital da iniciativa privada, vão formando a desejada infra-estrutura para o crescimento econômico de Pernambuco a taxas elevadas e continuadas, tendo como objetivo principal a justa distribuição de renda e a progressiva redução das desigualdades sociais.


SERVIÇO NACIONAL DE APRENDIZAGEM INDUSTRIAL, SENAI, INAUGURAÇÃO, CENTRO DE FORMAÇÃO TECNOLÓGICA, MUNICÍPIO, PETROLINA, PE. GOVERNO ESTADUAL, PE, CURSO, QUALIFICAÇÃO PROFISSIONAL, RECURSOS, FUNDO DE AMPARO AO TRABALHADOR, FAT.
oculta