CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 237.1.53.O Hora: 14h12 Fase: PE
  Data: 12/09/2007

Sumário

Solicitação ao Governo Federal e ao Governo do Estado de Minas Gerais de providências acerca da crise do setor calçadista, especialmente no Município de Nova Serrana.




A SRA. MARIA LÚCIA CARDOSO (Bloco/PMDB-MG. Pronuncia o seguinte discurso.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, gostaria de fazer um apelo ao Governo Federal e ao Governo do Estado de Minas Gerais para que lance os olhos sobre um segmento que há anos vem enfrentando seriíssimos problemas em todo País.
Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, o setor calçadista pede socorro. O tradicional pólo produtivo de calçados na cidade mineira de Nova Serrana atravessa um período de trevas e o horizonte não é nada promissor.
Com a queda do dólar e o avanço da indústria chinesa no mercado internacional, as vendas caíram expressivamente e as exportações se tornaram inviáveis para os pequenos produtores daquela cidade, onde cerca de 40 mil pessoas sobrevivem da renda oriunda do setor.
O Governo Federal tem adotado medidas no sentido de ajudar os trabalhadores, a exemplo da ampliação do prazo para recebimento do seguro-desemprego.
Contudo, essas medidas infelizmente não resolvem o problema a longo prazo, pois o setor corre o risco de colapso total. Isso sem contar que outros Estados têm oferecido diversos tipos de incentivos para que as indústrias ali se estabeleçam, retirando-as de Minas Gerais.
Assim, meu apelo é no sentido de que o Governo de Minas Gerais também viabilize medidas, tais como a diminuição de impostos e da alíquota do ICMS, para que consigam reerguer o setor calçadista, não só pela sua importância econômica mas também pela grave questão social que a extinção dessas indústrias pode acarretar à população de Nova Serrana e toda região centro-oeste.
Portanto, Sr. Presidente, prezados colegas, meu alerta é justamente para sensibilizar os Governos Federal e Estadual no sentido de que salvem a indústria de calçados mineira, pois não podemos deixar milhares de famílias desamparadas e jogadas à própria sorte.
Muito obrigada.


INDÚSTRIA DE CALÇADOS, MUNICÍPIO, NOVA SERRANA, MG, CRISE, PROVIDÊNCIA, GOVERNO FEDERAL, GOVERNO ESTADUAL, AVALIAÇÃO.
oculta